Ann Nixon Cooper – Tributo de Obama

Ann Louise Nixon Cooper nasceu dia 9 de janeiro de 1902 em Shelbyville, Tennessee, onde freqüentou escola. Após a morte de sua mãe, ela e seis irmãos foram separados e uma tia criou Cooper. Em 1922, casou com Albert Berry Nixon Ann Cooper, um jovem dentista, em Nashville, Tennessee. Eles se mudaram para Atlanta, Geórgia, onde começaram uma família enquanto seu marido estabeleceu o seu grande sucesso na prática odontológica. Cooper foi dona de casa a maior parte de sua vida, trabalhou brevemente em 1923 como escritora política no Atlanta Life Insurance Company. Cooper e seu marido tem entre seus amigos ou conhecidos, educadores WEB Du Bois, Lugenia Burns Hope e John Hope Franklin, Benjamin Franklin E. E. Mays e Frazier.

Como uma ativista Atlantanta, Cooper trabalhou para melhorar as condições da comunidade dos Afros Americanos na vida adulta. Durante mais de cinquenta anos, ela serviu no conselho de diretores da Associação Creche City Gate. Ela foi fundadora da Girls Club African American (clube das meninas afro-americanas) para os jovens, em Atlanta, e, na década de 1970, ensinou moradores da comunidade a ler em um programa de alfabetização da histórica Igreja Batista Ebenezer.

art.wedding.photo
(Foto: Arquivo pessoal)

Em 1980, Cooper recebeu recebeu um prêmio por seu ativismo serviço na comunidade de Atlanta WXIA-TV. Em 2002, ela foi premiada com o Annie L. McPheeters Medalhion pelos serviço comunitário prestados da Biblioteca de Pesquisa African American Culture and History.

Centenária, Cooper é o membro mais antigo do Atlanta Chapter of the Links, Inc., e é desde 1948 membro do Utopian Literary Club.

Completados seus 106 anos, tem visto presidentes virem e irem em sua vida e tem sobrevivido maioria deles. Na manhã ensolarada do dia 4 de novembro de 2008 ela saiu para uma votação antecipada – desta vez por Barack Obama.

A centenária Afro-americana se lembra de não muito tempo atrás, quando ela era impedida de votar por causa da sua raça. Agora ela espera para ver o dia em que Obama seja eleito como o primeiro negro presidente da nação.

“I ain’t got time to die,” (aproximadamente: “tenho muito tempo ainda”) Cooper disse com um sorriso.

“Mesmo se ele não ganhar, eu estarei feliz apenas por ele  para ser nomeado”, disse . “O primeiro presidente negro – não é maravilhoso, com 106 anos?”

 

+ sobre o tema

“Malcolm X” e o racismo do capitalismo

I - ORIGEM: Malcolm Little, mais conhecido como Malcolm X...

Obama reúne ativistas do movimento negro para debater reforma da Justiça criminal dos EUA

O presidente dos EUA, Barack Obama, reuniu vários ativistas...

A luta de Martin Luther King ganha adaptação em quadrinhos

Recém-lançado no país pela editora WMF Martins Fontes, "Vejo...

para lembrar

Dilma acerta com Obama visita a Washington

Depois das turbulências causadas pelo escândalo de espionagem, Brasil...

Michelle Obama faz Rap incentivando jovens a irem para faculdade

A primeira-dama americana Michelle Obama fez uma parceria com o...

Casa Branca sofre derrota no Congresso

Fonte: Zero Hora Foto: Achmad Ibrahim / AP Foi um revés...

Obama: Estados Unidos podem estar no começo do fim da recessão

Fonte: Uol-   O presidente dos Estados Unidos Barack Obama...
spot_imgspot_img

Brasil e EUA voltam a articular plano contra discriminação racial; veja como funciona o acordo entre os países

O Brasil e os Estados Unidos promoveram a primeira agenda entre congressistas e a sociedade civil desde a retomada do acordo de cooperação bilateral...

Barack Obama elege seus filmes favoritos de 2023; veja lista

Tradicionalmente, o ex-presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, escolhe seus filmes, músicas e livros favoritos do ano. Nesta quarta-feira (27), Obama compartilhou em suas...

Suspeito de invadir o Capitólio é preso com material para explosivos perto da casa de Obama, diz jornal

Um homem com materiais para fazer explosivos foi preso perto da casa de Barack Obama, ex-presidente dos Estados Unidos, nesta quinta-feira (29), segundo os portais CBS...
-+=