segunda-feira, dezembro 5, 2022
InícioQuestão RacialViolência Racial e PolicialApós arrastões e morte de jovem, secretário do Rio ganha prêmio de...

Após arrastões e morte de jovem, secretário do Rio ganha prêmio de pacificação

Após uma onda de arrastões em praias do Rio de Janeiro e a viralização de um vídeo no qual policiais militares aparecem alterando a cena do crime que resultou na morte do adolescente Eduardo Felipe Santos Victor, de 17 anos, o secretário de Segurança Pública do Estado, José Mariano Beltrame, foi premiado em uma cerimônia que exaltou o trabalho de policiais de UPPs, na semana passada.

Por Luis Nassif, do GGN

A premiação de Beltrame lembra a homenagem concedida pela Comissão de Desenvolvimento da Câmara dos Deputados ao governador de São Paulo, Geraldo Alckmin (PSDB), por sua atuação na área de gestão de recursos hídricos, exatamente quando o Estado atravessa uma grande crise de abastecimento em função do colapso do Sistema Cantareira.

Segundo informações do UOL, o prêmio a Beltrame foi concedido pelo Instituto Mudando o Final, que apoia projetos sociais em comunidades pacificadas, destacando o trabalho de policiais civis e militares.

“Durante a cerimônia no Rio, não foi feita nenhuma menção a Eduardo – cuja morte foi registrada inicialmente como morte em decorrência de intervenção policial, até que um vídeo feito por moradores desmentiu a versão oficial -, ou qualquer um dos outros casos de violência envolvendo policiais de UPPs ocorridos no Estado nos últimos meses. Em vez delas, os oradores se revezavam tecendo elogios à atuação dos policiais”, descreveu o portal.

Na ocasião, Beltrame disse à platéria de agentes do Estado que “podem falar o que quiserem, os números [da segurança] estão melhores, os índices estão melhores. Vocês estão salvando vidas. Daqui dez, 15 anos, vocês vão notar que participaram de uma grande mudança”, afirmou.

Artigos Relacionados
-+=
PortugueseEnglishSpanishGermanFrench