Após mexer em Nicole Bahls, Gerald Thomas escreve à ‘gentália hipócrita’

O diretor de teatro Gerald Thomas foi alvo de pesadas críticas, nas principais redes sociais, desde a noite passada, após enfiar a mão por baixo da saia da ex-panicatt Nicole Bahls. “Estupro!”, foi uma das declarações mais leves que se leu após o episódio, ocorrido durante o lançamento de um livro do intelectual, na Zona Sul do Rio de Janeiro.

“Que nojo sem fim do Gerald Thomas achando que a Nicole Bahls é da galera”, afirmou a escritora Clara Averbuck. Já a blogueira Carol Barros não se conteve e xingou o cineasta:

“Que alivio não ser ‘culta’ e conhecer esse senhor. Seja lá quem for é um babaca”, afirmou em sua página, no Twitter:

Diante da críticas, porém, Thomas não se fez de rogado e publicou a sua versão sobre os fatos:

“O programa se chama “PANICO” ! E eles vem com tudo! Mas são gente finíssima. Depois das brincadeiras, cameras e luzes apagadas, nós nos damos as mãos (tanto em SP quanto aqui no Rio) e rimos de tudo, nos damos abraços e falamos “valeu, foi ótimo!”.

“Um dia depois, a imprensa ESCROTA (mas é o trabalho dela), explora somente o lado sensasionalista da coisa: “GERALD THOMAS ESTUPRA NICOLE BAHLS!!”

“ORA BAHLS!!!

“Vem uma menina, de (praticamente) bunda de fora, salto alto de “fuck me”, seios a mostra, dentro de um contexto chamado PANICO e eu (que não deixo me intimidar e gosto desse pessoal) entro no jogo e viro as cartas – e os intimido ! (que nada! Brincadeira também!) (TUDO BRINCADEIRA, GENTÁLIA HIPÓCRITA que abriu uma facebook Page e debate e me massacra e passa dias editorializando e “moralizando”uma questão tão simples e tão absolutamente inútil:

“Eu, Gerald Thomas, faço a olho nu, na frente dos fotógrafos, das câmeras, das luzes, o que esse bando de carecas e pseudo moralistas gostaria de estar fazendo atrás de portas fechadas, com as luzes apagadas! EYES WIDE SHUT

“End of Story.

“Somos todos da classe teatral e nossa função é apontar as VOSSAS falhas. E se VOCES se revoltam TANTO, então, já fico contente porque os alertei pra alguma coisa. O que? SIM:

“1- a mulher não é um objeto. Mas não deveria se apresentar como tal

“2- E os homens jamais deveriam se utilizar desse objeto de forma alguma

“Seja como for: a única coisa que REALMENTE FIZ foi; tentar levantar a saia de Nicole Bahls e, pela expressão da cara dela nas fotos, she must have had a bahls!

Gerald Thomas

A cultura do estupro gritando – e ninguém ouve

‘Mulher não é um objeto. Mas não deveria se apresentar como tal’, diz Gerald Thomas

Fonte: Correio do Brasil

+ sobre o tema

Negras são as principais vítimas do crime que mata as mulheres por serem mulheres

(A Pública, 15/03/2016) Negras são as principais vítimas do crime...

Cresce o número de casos de agressão contra mulheres no Brasil

Segundo governo federal, número de denúncias aumentou quase 100%. No...

Nos EUA, meninas africanas relembram dor da circuncisão

Motivo de preocupação de direitos humanos no exterior, mutilação...

para lembrar

Ameaças e violência têm transformado minha vida em uma grande tensão

Dentro da faculdade em que estudo, recebi por meses...

PLP 2.0: aplicativo para o combate à violência contra a mulher é lançado oficialmente

Ferramenta apoiada pela AJURIS passará por período de testes...

Site oferece guia sobre ‘como estuprar uma mulher na UFMG’

Texto afirma que 'a mulher mineira é famosa por...

No ano passado, 29 mulheres mortas na intimidade deixaram 46 crianças órfãs

Menos mulheres foram assassinadas em contexto de violência doméstica...
spot_imgspot_img

‘Não’ é ‘Não’, inclusive na igreja

No dia 29 de dezembro, o presidente Lula sancionou a lei do protocolo "Não é Não" (lei 14.786/2023), que combate violência e assédio sexual contra mulheres...

Lula sanciona lei que protege mulheres de violência em bares e shows

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva sancionou a lei que cria o protocolo Não é Não, mecanismo de combate ao constrangimento e à...

Menina de 15 anos é vítima de estupro coletivo na noite de Natal; amigos são suspeitos, diz polícia

Uma adolescente, de 15 anos, foi estuprada na madrugada de Natal, 25 de dezembro, em Campo Grande (MS). De acordo com a polícia, os suspeitos...
-+=