Após mexer em Nicole Bahls, Gerald Thomas escreve à ‘gentália hipócrita’

O diretor de teatro Gerald Thomas foi alvo de pesadas críticas, nas principais redes sociais, desde a noite passada, após enfiar a mão por baixo da saia da ex-panicatt Nicole Bahls. “Estupro!”, foi uma das declarações mais leves que se leu após o episódio, ocorrido durante o lançamento de um livro do intelectual, na Zona Sul do Rio de Janeiro.

“Que nojo sem fim do Gerald Thomas achando que a Nicole Bahls é da galera”, afirmou a escritora Clara Averbuck. Já a blogueira Carol Barros não se conteve e xingou o cineasta:

“Que alivio não ser ‘culta’ e conhecer esse senhor. Seja lá quem for é um babaca”, afirmou em sua página, no Twitter:

Diante da críticas, porém, Thomas não se fez de rogado e publicou a sua versão sobre os fatos:

“O programa se chama “PANICO” ! E eles vem com tudo! Mas são gente finíssima. Depois das brincadeiras, cameras e luzes apagadas, nós nos damos as mãos (tanto em SP quanto aqui no Rio) e rimos de tudo, nos damos abraços e falamos “valeu, foi ótimo!”.

“Um dia depois, a imprensa ESCROTA (mas é o trabalho dela), explora somente o lado sensasionalista da coisa: “GERALD THOMAS ESTUPRA NICOLE BAHLS!!”

“ORA BAHLS!!!

“Vem uma menina, de (praticamente) bunda de fora, salto alto de “fuck me”, seios a mostra, dentro de um contexto chamado PANICO e eu (que não deixo me intimidar e gosto desse pessoal) entro no jogo e viro as cartas – e os intimido ! (que nada! Brincadeira também!) (TUDO BRINCADEIRA, GENTÁLIA HIPÓCRITA que abriu uma facebook Page e debate e me massacra e passa dias editorializando e “moralizando”uma questão tão simples e tão absolutamente inútil:

“Eu, Gerald Thomas, faço a olho nu, na frente dos fotógrafos, das câmeras, das luzes, o que esse bando de carecas e pseudo moralistas gostaria de estar fazendo atrás de portas fechadas, com as luzes apagadas! EYES WIDE SHUT

“End of Story.

“Somos todos da classe teatral e nossa função é apontar as VOSSAS falhas. E se VOCES se revoltam TANTO, então, já fico contente porque os alertei pra alguma coisa. O que? SIM:

“1- a mulher não é um objeto. Mas não deveria se apresentar como tal

“2- E os homens jamais deveriam se utilizar desse objeto de forma alguma

“Seja como for: a única coisa que REALMENTE FIZ foi; tentar levantar a saia de Nicole Bahls e, pela expressão da cara dela nas fotos, she must have had a bahls!

Gerald Thomas

A cultura do estupro gritando – e ninguém ouve

‘Mulher não é um objeto. Mas não deveria se apresentar como tal’, diz Gerald Thomas

Fonte: Correio do Brasil

+ sobre o tema

Conheça a mulher por trás da utopia africana em ‘Pantera Negra’

A designer de produção Hannah Beachler construiu Wakanda como...

Pronta para votação em plenário, PEC das domésticas divide opiniões

Nos próximos dias, o Plenário do Senado vai votar...

Assembleia Geral da ONU aprova criação de agência para as mulheres

Deliberação atende proposta do UNIFEM de garantir expressiva presença...

“O feminismo tem que ser uma luta que ilumine todas as complexidades de nossa vida”. Entrevista com Nancy Fraser

Poderíamos apresentar Nancy Fraser como uma das filósofas e intelectuais...

para lembrar

Supremo garante licença-maternidade para mãe não gestante de casal homoafetivo

O Supremo Tribunal Federal (STF) aprovou por maioria nesta...

Patrioska: o fenômeno do machismo dentro do machismo

Venho fazendo anotações a respeito da discussão que vem...

Sete mulheres que transformaram a história do jazz

Ella Fitzgerald, Billie Holiday, Nina Simone… Conheça as trajetórias...

Como a ciência sustentou a ideia de inferioridade biológica da mulher

Entender como o ser humano se desenvolve no ventre...
spot_imgspot_img

O que está em jogo com projeto que torna homicídio aborto após 22 semanas de gestação

Um projeto de lei assinado por 32 deputados pretende equiparar qualquer aborto realizado no Brasil após 22 semanas de gestação ao crime de homicídio. A regra valeria inclusive para os...

Justiça brasileira não contabiliza casos de homotransfobia, cinco anos após criminalização

O STF (Supremo Tribunal Federal) criminalizou a homotransfobia há cinco anos, enquadrando o delito na lei do racismo —com pena de 2 a 5 anos de reclusão— até que...

Maria da Conceição Tavares: quem foi a economista e professora que morreu aos 94 anos

Uma das mais importantes economistas do Brasil, Maria da Conceição Tavares morreu aos 94 anos, neste sábado (8), em Nova Friburgo, na região serrana do Rio...
-+=