Artista que criou icônico pôster de esperança por Obama lança novas imagens

Há oito anos, o artista Shepard Fairey criou uma icônica imagem do então novo presidente dos Estados Unidos, Barack Obama. O pôster em azul e vermelho junto à palavra Hope (‘esperança’, em inglês) acabou se tornando o símbolo do governo do democrata, primeiro afro-americano a assumir o cargo.

Do Hypeness

Agora, com a mudança da liderança na presidência dos Estados Unidos, o artista criou novas imagens. No entanto, ao invés de homenagear Donald Trump como fez com Obama, Fairey criou cartazes que mostram mulheres de diferentes etnicidades. Uma moça latina aparece junto à frase, “Lutamos pela dignidade“, a muçulmana acompanha a frase “O povo é maior que o medo” e a negra: “Protegemos uns aos outros”.

As criações de Fairey fazem parte do movimento “We the People” (Nós, o povo”), iniciativa da ONG Amplifier Foundation e devem ser utilizadas em manifestações contra “ódio, medo e racismo”.

Os cartazes representam as minorias existentes nos EUA que devem protestar contra a posse do republicano que acontece nesta sexta-feira (20). No sábado (21), dia seguinte à posse, está prevista a Marcha das Mulheres que vem sendo organizada desde a eleição de Trump e acontecerá em Washington e em várias outras cidades americanas.

As imagens de Fairey e dos artistas Ernesto Yerena e Jessica Sabogal estão disponíveis para download gratuito no site da ONG.

 

Nós os invisíveis

Nós as pessoas / Nos protegemos

Nós as pessoas / Somos melhores do que o medo

Nós as pessoas / Defendemos a Dignidade

Nós os resilientes / Já passamos por isso

Todas as fotos © Shepard Fairey

+ sobre o tema

Que Brasil teríamos, com mais mulheres negras no poder?

Por CFEMEA, para a coluna Baderna Feminista O Brasil já está às...

Por que é tão difícil sair de um relacionamento abusivo?

Eu desconheço o que é vontade própria. Eu falo...

Discriminar travestis e transexuais pode levar a fechamento de empresas

Travestis e transexuais podem processar empresas ou pessoas que...

Entenda o gaslighting, estratégia de defesa de João de Deus

A estratégia da defesa de João de Deus em...

para lembrar

Mulheres têm mais diplomas, mas menos empregos e salários menores, diz OCDE

No Brasil, mulheres com diploma de ensino superior têm...

Postura de Marília Mendonça foi libertadora para as mulheres

Marília Mendonça sonhou que fazia shows gratuitos em praças nas...

A vida sexual de Dilma e a saúde mental da Época. Por Paulo Nogueira

Como se uma Veja não fosse suficiente para destruir...
spot_imgspot_img

O que está em jogo com projeto que torna homicídio aborto após 22 semanas de gestação

Um projeto de lei assinado por 32 deputados pretende equiparar qualquer aborto realizado no Brasil após 22 semanas de gestação ao crime de homicídio. A regra valeria inclusive para os...

Justiça brasileira não contabiliza casos de homotransfobia, cinco anos após criminalização

O STF (Supremo Tribunal Federal) criminalizou a homotransfobia há cinco anos, enquadrando o delito na lei do racismo —com pena de 2 a 5 anos de reclusão— até que...

Maria da Conceição Tavares: quem foi a economista e professora que morreu aos 94 anos

Uma das mais importantes economistas do Brasil, Maria da Conceição Tavares morreu aos 94 anos, neste sábado (8), em Nova Friburgo, na região serrana do Rio...
-+=