Guest Post »

Candomblecista e rastafari! Luislinda Valois integra Vogue ao lado de Naomi Campbell

A baiana Luislinda Valois, primeira juíza negra Brasil, filha de lavadora e de motorneiro de bonde, nascida na Rua Carmosina na Avenida Barros Reis e criada na Capelinha de São Caetano, é uma das 11 mulheres brasileiras negras que integram a edição especial do mês de maio da Vogue, revista feminina mais importante do Brasil. Luislinda é a única mulher do meio jurídico, rastafari e candomblecista, como ela faz questão de ressaltar, que pousa ao lado da atriz e modelo Naomi Campbell. Em entrevista exclusiva ao Informe Baiano, ela não escondeu a emoção e ressaltou a gentileza da britânica. “Ela só faltou me carregar, ela é muito franca, muito aberta e carinhosa. Quando eu cheguei no espaço para gravar, ela estava me esperando para almoçar. Imagine uma mulher daquela estirpe esperando? Ela levou uma intérprete também e conversamos bastante. Foi um momento de muita felicidade”, revelou.

Do Informe Baiano

A edição especial já está nas bancas e comemora 41 anos da revista no Brasil. Além de Naomi e Luislinda, também participaram a cantora Alcione, a jornalista Maju Coutinho e a ex-senadora Marina Silva. “Isso serve para estimular essa juventude, mostrando qual o melhor caminho. Teve uma hora que eu fiquei pensando: quem sou eu meu Deus? Eu vim de uma família pobre. Isso só pode ser uma missão e eu tenho que cumprir com total honestidade. Só com honestidade a gente consegue tudo. É obrigação ser honesto”, afirmou e também não esqueceu de agradecer a todos os Orixás. “Os orixás ficam aí me olhando e cuidando de mim o tempo todo e todo o tempo, inclusive o Exu da Lei, porque ele só leva as boas notícias para quem merece e leva as más notícias também para quem merece. Ele é legalista, saiu da linha, ele mostra que está errado. E até esse Orixá, ele me protege”, finalizou.

louislinda1

Related posts