quinta-feira, dezembro 8, 2022
InícioQuestão RacialCasos de RacismoCEO da Starbucks pede desculpas pela detenção de dois homens negros

CEO da Starbucks pede desculpas pela detenção de dois homens negros

Empresa tem vindo a ser acusada de racismo e diversas manifestações têm ocorrido junto às lojas da marca depois de dois homens terem sido detidos

Do Notícias ao Minuto  

Foto© Reuters

O CEO da Starbucks, Kevin Johnson, pediu desculpas aos dois homens detidos numa das lojas da empresa em Filadélfia, nos EUA. O responsável citou um vídeo filmado por clientes que descrevia como “muito difícil de ver”, acrescentando que “as ações nele retratadas não representam os valores e a missão da Starbucks”.

Segundo a BBC, dois homens foram detidos pela polícia depois de terem entrado no estabelecimento e, sem nada pedirem, se terem sentado numa mesa, enquanto esperavam por um amigo.

Este caso levou a acusações de racismo, nas redes sociais, e também à realização de manifestações à porta de estabelecimentos da marca.

Melissa DePino publicou no Twitter um vídeo deste incidente filmado por um amigo que se encontrava no café na quinta-feira, quando ocorreu o incidente.

YouTube video

Artigos Relacionados
-+=
PortugueseEnglishSpanishGermanFrench