Chico Buarque é uma das vozes de ‘Manifestação’, música que defende os direitos humanos

Criada em 28 de maio de 1961 para defender os direitos humanos, a organização Anistia Internacional festeja hoje 57 anos de vida com o lançamento da gravação de música inédita, Manifestação, interpretada por heterogêneo coletivo de artistas brasileiros formado por cantores e atores. Chico Buarque – visto no estúdio na foto de Karla Alvaíde postada nas redes sociais oficiais da Anistia Internacional – é uma das vozes que dividem a interpretação dos 117 versos escritos por Carlos Rennó. A melodia de Manifestação é assinada pelos compositores Rincon Sapiência, Russo Passapusso e Xuxa Levy.

Por Mauro Ferreira Do G1

Foto: Reproduzida/G1

Chico integra elenco multifacetado que inclui Ana Cañas, As Bahias e a Cozinha Mineira, BNegão, Chico César, Criolo, Ellen Oléria, Filipe Catto, Larissa Luz, Ludmilla, Luedji Luna, Marcelino Freire, Marcelo Jeneci, Marcia Castro, Paulinho Moska, Paulo Miklos, Pedro Luís, Péricles, Pretinho da Serrinha, Rael, Rico Dalasam, Rincon Sapiência, Russo Passapusso, Siba e Xênia França, além das atrizes Camila Pitanga, Fernanda Montenegro, Letícia Sabatella e Roberta Estrela D’Alva.

A gravação da música Manifestação foi feita por banda formada por Benjamin Taubkin (piano), Os Capoeira (percussão), Siba (rabeca), Marcelo Jeneci (acordeom), Emerson Villani (violões e guitarra), Robinho (baixo), Samuel Fraga (bateria), DJ Nyack (pickups) e Beto Barreto (guitarra baiana).

Perpetuada em clipe filmado sob direção de João Wainer e Fábio Braga com mix de imagens dos artistas no estúdio e de cenas de recentes protestos sociais feitos no Brasil, a gravação de Manifestação celebra os 70 anos da Declaração Universal dos Direitos Humanos, adotada pela Organização das Nações Unidas (ONU) em dezembro de 1948.

+ sobre o tema

Obama afirma que reanimar a economia é sua tarefa mais urgente

O presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, considera que...

O tal “panelaço” tem cara, grife, cor e endereço, nobre, diga-se de passagem

O tal "panelaço", importado da Argentina, de que  grande...

15 museus recebem programação especial sobre Direitos Humanos

Espaços recebem debates, oficinas, palestras e apresentações sobre o...

Tracking Vox Populi/Band/iG: Dilma 53%, Serra 24%

No quinto dia de medição, petista oscila positivamente um...

para lembrar

46 Assembléia Geral da OEA – Santo Domingo

A 46 Assembléia Geral da Organização dos Estados Americanos...

Pena de morte?!

Hoje, ouvi um relato sobre um assalto. O ônibus...

Congresso tem 40 projetos que ameaçam direitos humanos

Entre os textos, constam ameaças ao trabalho, à terra,...
spot_imgspot_img

Ministério da Igualdade Racial lidera ações do governo brasileiro no Fórum Permanente de Afrodescendentes da ONU

Ministra da Igualdade Racial, Anielle Franco, está na 3a sessão do Fórum Permanente de Afrodescendentes da ONU em Genebra, na Suíça, com três principais missões: avançar nos debates...

Conselho de direitos humanos aciona ONU por aumento de movimentos neonazistas no Brasil

O Conselho Nacional de Direitos Humanos (CNDH), órgão vinculado ao Ministério dos Direitos Humanos e da Cidadania, acionou a ONU (Organização das Nações Unidas) para fazer um alerta...

Ministério lança edital para fortalecer casas de acolhimento LGBTQIA+

Edital lançado dia 18 de março pretende fortalecer as casas de acolhimento para pessoas LGBTQIA+ da sociedade civil. O processo seletivo, que segue até...
-+=