Co-fundador dos Panteras Negras, Elbert “Big Man” Howard, morre aos 80 anos

Enviado por / FonteDo Portal Rap Mais

Elbert “Big Man” Howard, co-fundador do Partido dos Panteras Negras que atuou como editor de jornal e diretor de informações – e foi fundamental para os programas sociais da organização – morreu na segunda-feira 23 de julho em Santa Rosa, Califórnia .

Howard foi uma das seis pessoas que fundaram o Partido dos Panteras Negras para a Autodefesa, em Oakland, em outubro de 1966, junto com Bobby Seale e Huey Newton. A organização política começou patrulhando a polícia por possíveis abusos contra os negros.

Nascido em 1938, em Chattanooga, Tennessee, Howard cresceu em meio a um clima de violência racial aguda; Quando criança, ele viu um de seus parentes sendo chicoteado por membros da Ku Klux Klan, relata Chris Smith, da Press Democrat.

Com seu passado militar, Howard conseguiu ensinar seus companheiros panteras a manusear suas armas. Com um grande afro e seus óculos escuros de assinatura, ele certamente cortou uma figura imponente – seu apelido era “Big Man”.

Howard também editou o jornal dos Panteras, que vendeu 200.000 cópias por semana no auge, e viajou para a Europa e Ásia para encontrar capítulos da Black Panther lá. Ele também foi um autor, voluntário na discoteca de jazz, professor e ativista em Sonoma County, Califórnia, onde mais tarde ele fez sua casa. A causa da morte de Howard não foi revelada.

+ sobre o tema

Parlamento Panafricano celebra cinquentenário de países

africanos Lusaka, Zâmbia (PANA) - O Parlamento Panafricano (PAP)...

Joel Rufino dos Santos

Biografia Joel Rufino dos Santos (Rio de Janeiro)...

para lembrar

Literatura e ideologia: uma entrevista com Alice Walker

Gostaria de dizer que planejamos tudo desde o começo,...

Negras de cabelo azul – Por José Carlos Angelo

Outro dia alguém postou no Facebook que tinha jogado...
spot_imgspot_img

Violência contra territórios negros é tema de seminário com movimentos sociais em Salvador

Diante da escalada de violência que atinge comunidades negras e empobrecidas da capital e no interior da Bahia, movimentos sociais, entidades e territórios populares...

Tony Tornado relembra a genialidade (e o gênio difícil) do amigo Tim Maia, homenageado pelo Prêmio da Música Brasileira

Na ausência do homenageado Tim Maia (1942-1998), ninguém melhor para representá-lo na festa do Prêmio da Música Brasileira — cuja edição 2024 acontece nesta quarta-feira (12),...

Flávia Souza, titular do Fórum de Mulheres do Hip Hop, estreia na direção de espetáculo infantil antirracista 

Após mais de vinte anos de carreira, com diversos prêmios e monções no teatro, dança e música, a multiartista e ativista cultural, Flávia Souza estreia na...
-+=