quarta-feira, agosto 17, 2022
InícioÁfrica e sua diásporaPatrimônio CulturalContos Africanos e Nganos: Identidade Moçambicana

Contos Africanos e Nganos: Identidade Moçambicana

CONTOS AFRICANOS AND NGANOS: MOZAMBICAN IDENTITY

Lúcia Regina Lucas da Rosa1

RESUMO: O presente artigo visa analisar contos de tradição oral moçambicana publicados em dois livros: Contos africanos(2001) e Nganos – contos tradicionais moçambicanos (2007).

Neles, evidencia-se a busca das origens e da cultura africana, principalmente, como resgate de identidade em um país que viveu anos em guerra e em processo de colonização. A língua portuguesa, tornada oficial, é ainda tida como artificial por grande parte da população que precisa estudá-la para assimilar a história atual de Moçambique. Tomaremos como exemplo o primeiro texto de cada livro, visto que, as situações se repetem nos demais. Partiremos do uso da linguagem e de como ela se tornou meio de transição entre a cultura africana e portuguesa, ou seja, a oralidade e a escrita e seus desdobramentos: vocabulário, costumes, posições sociais e histórias cultuadas.

 

Leia o PDF:

Contos Africanos e Nganos: Identidade Moçambicana

Artigos Relacionados
-+=
PortugueseEnglishSpanishGermanFrench