Corpo de estudante morta por professor será enterrado hoje

Foi enterrado neste domingo às 14h30, no cemitério de Taguatinga, região metropolitana de Brasília, o corpo da estudante de direito Suênia Sousa Farias, 24 anos. A jovem foi morta a tiros na sexta-feira pelo ex-namorado e professor de direito Rendrik Vieira Rodrigues.

Durante o velório, que começou no início da noite de sábado, o pai da estudante, Sinval Farias, tirou uma mecha do cabelo dela para guardar de recordação. Emocionado, ele precisou ser amparo por familiares. Suênia foi lembrada por parentes como uma jovem batalhadora que sonhava em ser delegada.

De acordo com a Polícia Civil, a estudante Suênia Sousa Farias foi abordada pelo professor na saída da aula na universidade UniCEUB na sexta-feira, e ambos entraram no carro da vítima. Ainda conforme relato da polícia, Suênia teria ligado para o marido afirmando que reataria o relacionamento com o professor. Desconfiado pelo tom da voz da esposa, o marido registrou um boletim de ocorrência na 12ª Delegacia de Polícia. Enquanto estava em poder do professor, Suênia foi baleada três vezes, Rendrik se entregou ainda nesta sexta na 27ª Delegacia de Polícia, no Recanto das Emas, com o corpo da jovem no carro.

Desde a madrugada de sábado ele está em uma cela na carceragem do Departamento de Polícia Especializada (DPE). O professor, que foi autuado em flagrante por homicídio, deve ser transferido na terça-feira de manhã para o Complexo Prisional de Papuda.

+ sobre o tema

para lembrar

spot_imgspot_img

‘Não’ é ‘Não’, inclusive na igreja

No dia 29 de dezembro, o presidente Lula sancionou a lei do protocolo "Não é Não" (lei 14.786/2023), que combate violência e assédio sexual contra mulheres...

Lula sanciona lei que protege mulheres de violência em bares e shows

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva sancionou a lei que cria o protocolo Não é Não, mecanismo de combate ao constrangimento e à...

Menina de 15 anos é vítima de estupro coletivo na noite de Natal; amigos são suspeitos, diz polícia

Uma adolescente, de 15 anos, foi estuprada na madrugada de Natal, 25 de dezembro, em Campo Grande (MS). De acordo com a polícia, os suspeitos...
-+=