Costura da Memória

“Minhas obras são como uma bola de lã. Pego o fio pela ponta, mas elas saem correndo e se desdobram pelo espaço”, explica a artista Rosana Paulino, que abre neste sábado (8) sua maior mostra individual, na Pinacoteca de São Paulo. Costura da Memória ocupa três salas no 1º andar, nas quais serão exibidos cerca de 140 trabalhos.

Do Veja São Paulo

Geometria à Brasileira (2018), de Rosana Paulino (Isabela Matheus/Divulgação)

A organização do conjunto não obedece à cronologia, mas sim à identificação de assuntos que se destacam na produção da paulistana. “O que é ser uma mulher negra no Brasil?” é a primeira questão que surge em trabalhos históricos como Parede da Memória (1994-2015) e Bastidores (1997).

Esse último é uma série na qual Rosana imprime fotografias de mulheres da própria família em retalhos de algodão. Depois de esticá-los em estruturas circulares, ela intervém com linha preta e agulha, fazendo uma espécie de tarja em regiões como a dos olhos e a da boca.

A interdição, construída insistentemente com o vaivém dos fios, remete ao emudecimento da população negra e a sua incipiente representatividade, por exemplo, na história da arte.

Essa falta reverbera também em Geometria à Brasileira (à dir.; 2018), obra presente em um núcleo dedicado à elaboração de novas leituras sobre o Brasil. Formas geométricas do concretismo — que, na visão da autora, negligenciou contribuições de negros e indígenas — são extrapoladas por personagens e plantas

+ sobre o tema

para lembrar

Afropunk Festival 2015: 100 imagens por Driely Schwartz

Durante os dias 22 e 23 de agosto, os...

PEDRA DO SAL HOMENAGEIA CARTOLA NO DOMINGO

  Pedra do Sal, local importante para a...

Marta rebate acusação de racismo feita por jornal

A ministra da Cultura, Marta Suplicy, minimizou na...

Usain Bolt inspira jovens atletas cariocas durante treino no Rio

Cristina Indio do Brasil  Agência Brasil O encontro com o...
spot_imgspot_img

Dia 21, Maurício Pazz se apresenta pela primeira vez no Instrumental Sesc Brasil

Maurício Pazz, paulistano, nos convida a mergulhar nos diferentes sotaques oriundos das diásporas africanas no Brasil. No repertório, composições musicais do próprio artista, bem...

Iza anuncia que terá uma menina e o nome será Nala

O primeiro bebê de Iza e Yuri Lima já teve o sexo revelado: será uma menina. A cantora contou a novidade aos fãs na noite desta segunda-feira (13),...

6 brasileiros que lutaram pelo fim da escravidão no Brasil

O fim da escravidão no Brasil completa 136 anos em 13 de maio deste ano. Em 1888, a princesa Isabel, filha do imperador do Brasil Pedro 2º,...
-+=