Cotas raciais no Brasil ganham apelo Internacional

Por: Marcos Romão, MamaPress

o Julgamento das cotas no STF será no dia 25 de abril, quarta, às 14 horas.

 

 

O Supremo Tribunal Federal julgará dia 25.04 a ADPF- Ação Descumprimento de Preceito Fundamental 186-, impetrada pelo DEM, Partido dos Democratas, contra a UNB- Universidade de Brasília. (saiba mais)

Preocupações da diáspora africana no mundo, com as ações afirmativas que vem sendo aplicadas no Brasil, levaram o cineasta Spyke Lee a incluir em seu roteiro de viagem pelo país, a visita ao Supremo Tribunal Federal em Brasília para assistir nesta quarta-feira o julgamento da constitucionalidade das cotas raciais, que visam promover o acesso de negros e indios às universidades brasieiras.

É mais uma ação impetrada pelo DEM do Demóstenes, que vai contra a maré mundial, que defende políticas públicas de ações afirmativas, que visem incentivar uma maior diversidade cultural, religiosa, politica e econômica em todos os países, cotas são aplicadas tanto em países da Europa, como nos EUA e Singapura, para citarmos alguns exemplos.

O ativista negro e advogado do IARA que acompanha este processo há 11 anos, Humberto Adami, informa em seu blog: “Essa ação deve definir a constitucionalidade da ação afirmativa no Brasil, já que as tentativas anteriores de invalidar as medidas de ação afirmativa para negros pela via judicial não tiveram sucesso nos últimos 11 anos. A audiência pública do STF serviu para organizar os debates entre os que são contra e a favor, com clara vantagem para estes últimos. Após a audiência, o “quarteto do mal” (Ali Kamel, Peter Fry, Ivonne Maggie e Demétrio Magnóli) perdeu espaço na mídia, e seu discurso sem futuro de dizer que as cotas para negros “não iriam dar certo; atrairiam o ódio racial norte-americano; dividiriam o país em pretos e brancos; formaria profissionais que não seriam aceitos no mercado”, e outras sandices,, não veio a se concretizar.”

O Julgamento das cotas no STF será no dia 25 de abril, quarta, às 14 horas.

frei-david

Contatado pela Mamapress, Frei David da Educafro nos informou que vários ônibus com alunos cotistas sairão de São Paulo para Brasília na próxima terça-feira, véspera do julgamento, vão se encontrar com caravanas de defensores das cotas de vários estados brasileiros:

“Vamos fazer, às 13 horas, um bonito culto Ecumênico na porta do STF, pedindo a Deus e todos os Orixás que ilumine a mente dos Ministros!”.

Frei David também nos informa que a Banda Afro-Reggae do Rio de Janeiro estará animando o ato ecumênico que contará também com a presença de Yalorixás de diversos estados Brasileiros.

spyke-lee

Com presença confirmada, Spyke Lee, um dos maiores cineastas do mundo, autor dos filmes “Malcon X” e “Faça a coisa certa”, que tratam da história dos movimentos civis contra o racismo nos EUA, comprometeu-se a incluir as filmagens que fará do evento em seu novo documentário sobre o Brasil.

O Superintendente da Igualdade Racial do Rio de Janeiro, Advogado Marcelo Dias, que se encontra em visita aos EUA, à convite de organizações não governamentais que lutam pelos direitos civis e do departamento de estado americano do norte, para participar de um intensivo programa de troca de informações e experiências sobre políticas de ações afirmativas nos manda dizer que: “O pessoal do Departamento de Estado do Governo Americano e militantes sociais sao muitos solidarios com a nossa causa. Sabem que 100 milhoes de seres humanos com consciencia social e racial é uma verdadeira potência.”

reajacotas2

Considerado por muitos antiracistas brasileiros e observadores como o “Julgamento do século” sobre as políticas públicas afirmativas para negros e indios no Brasil, a nação com maior contigente de descendentes de povos da África no mundo, o julgamente despertou a atenção da imprensa mundial, notadamente na diáspora negra e vários correspondentes da diáspora africana, contataram a Mamapress, para melhor se informarem sobre os rumos das decisões do STF,além de informarem que mandarão correspondentes.

 

Leia Também:

Sueli Carneiro : Doutora em Filosofia pela USP defende cotas para negros e lembra julgamento em que STF discutiu conceito de raça

Cotas para Negros

Maurício Pestana – Lei do retorno

Contardo Calligaris: Raças e cotas

Fernando Conceição – A grande mídia contra as ações afirmativas

Espelho – Pedro Cardoso e as Cotas para Negros

As cotas para negros: por que mudei de opinião

Comparato: Justiça para os negros – VÌDEO

 “As cotas celebram os valores constitucionais”, afirma Flávia Piovesan

Elite branca reage contra cotas para negros na UnB…

Fonte: Mariafro

+ sobre o tema

Vanity Fair acusada de racismo

"Uma nova década, um novo Hollywood". À primeira...

Banheiro, intimidade e racismo

Durante todo o ano, pichações racistas foram feitas no...

para lembrar

Falta empatia para entender a Revolta dos Negros

FOI EM UMA SALA para não mais do que...

Antropologias contra-hegemônicas: uma virada no rumo das nossas referências

“As ferramentas do senhor nunca derrubarão a casa-grande” (LORDE, Audre....

Homens são presos por racismo depois de esfaquear segurança em metrô

Fonte: Band Dois homens foram presos por racismo...
spot_imgspot_img

Novo Selo de Igualdade Racial será lançado para incentivar diversidade nas empresas, anuncia Anielle Franco

O governo federal planeja introduzir, até o final do ano, um "Selo de Igualdade Racial" destinado a reconhecer empresas públicas e privadas que implementam...

Professora denuncia aluno por injúria racial após estudante escrever ‘preto não é gente’ em folha de papel

Uma professora denunciou um estudante de 14 anos à polícia após ele escrever "preto não é gente" em uma folha de papel, em uma...

5 por dia: Bahia lidera ranking de mortes em ações policiais no primeiro quadrimestre

Enquanto a localização de lideranças criminosas aumentou na Bahia no início de 2024, a letalidade das ações policiais também registrou crescimento. De acordo com o Ministério...
-+=