Drogba se despede do Chelsea com festa no trajeto da Tocha Olímpica

O atacante Didier Drogba, de 34 anos, herói do título inédito da Copa dos Campeões pelo Chelsea, carregou a tocha olímpica dos Jogos de Londres nesta quarta-feira, no trajeto entre Royal Wootton Bassett e Swindon, no sudoeste da Inglaterra. O atacante da Costa do Marfim teve a saída do Chelsea confirmada na véspera, com a decisão do clube de não renovar o contrato do atleta, que se encerra no final de junho. Segundo o diário britânico The Guardian, o jogador já confirmou presença no Shanghai Shenhua, da China.

Contratato em 2004, Drogba é o quarto maior artilheiro do Chelsea, com 157 gols em 341 jogos. No último sábado, anotou o gol de empate contra o Bayern de Munique, na final da Copa dos Campeões, e converteu o último pênalti na série decisiva. Ao todo, 8 mil pessoas que chegarão ao Estádio Olímpico, em Londres, com a chama olímpica para a cerimônia de abertura em 27 de julho. A Polícia Metropolitana faz a segurança da tocha em todo o percurso de 12,8 mil km, que vai durar 70 dias.

O velejador britânico Ben Ainslie, tricampeão olímpico, deu início ao revezamento da tocha olímpica no Reino Unido no último sábado. O vocalista Will.i.am, produtor musical da banda Black Eyed Peas, também carregou o símbolo olímpico na segunda-feira.

No mesmo percurso percorrido por Drogba, outro atleta do Chelsea, Josh McEachran, de uma geração abaixo, também foi distinguido com honraria. McEachran participou do percurso em Calne, cidade ao sudoeste da Inglaterra. Antes de participar do revezamento, ele escreveu em sua conta noTwitter:

“Isso acontece apenas uma vez na vida. Obrigado @samsung e @chelseafc.”

Caminho errado

Nesta manhã, o comboio que transportava a tocha olímpica, no trajeto entre Nailsea e Bristol, no norte da Inglaterra, errou a rota e atrasou em dez minutos sua chegada, no quinto dia de viagem pelo Reino Unido, a caminho de Nort Somerstet, após ter passado por cidades como Nailsea, Blackwell e Flax Bourton, segundo informou o Comitê Organizador dos Jogos Olímpicos de Londres em 2012.

No retorno a Bristol, o comboio pegou uma rota errada próximo à aldeia de Failand e se perdeu. O Comitê informou que “o atraso não teve impacto nos corredores, já que a tocha estava dentro do comboio”. Este é o segundo problema registrado nos últimos dias: a tocha havia se apagado na segunda-feira.

– O erro foi do comboio, não dos corredores. Erraram o caminho nesta manhã entre Nailsea e Failand, mas perceberam imediatamente e corrigiram – garantiu um porta-voz do Comitê.

 

 

Fonte: Correio do Brasil

+ sobre o tema

Cuti – Padê Poema 30: Mamice

  Padê Poema 30 Mamice sou daquelesque cobram...

Júlio Silva prepara sua aposentadoria jogando torneio de veteranos

Júlio Silva, tenista que está no circuito profissional...

Padê Poema 41 – Cuti

    Saiba Mais: Padê poema 40 -...

Padê Poema 44 – Cuti

  Leia Também: Padê poema 40 - Cuti  Padê Poema 41...

para lembrar

Sabotage, história e música contada pelo olhar de Toni C.

Na terceira edição do “Entrevista Aberta" o autor...

Seedorf será o novo técnico do Milan, diz canal italiano

  O canal italiano Sky Sportnoticiou nesta sexta-feira que...

Seedorf anuncia adeus ao Bota: ‘Que possa manter o que a gente construiu’

Holandês se aposenta para dar início à carreira de...
spot_imgspot_img

Aos ‘parças’, tudo

Daniel Alves da Silva, 40 anos, 126 partidas pela Seleção Brasileira, 42 títulos, duas vezes campeão da Copa América e da Copa das Confederações,...

Mbappé comunica ao PSG que vai sair do clube ao fim do contrato

Mbappé comunicou à diretoria do Paris Saint-Germain que vai deixar o clube ao fim do contrato, o qual se encerra em junho. A informação foi dada...

Costa do Marfim venceu o CAN 2024

Já é conhecido o vencedor da 34ª edição do Campeonato Africano das Nações de futebol: a Costa do Marfim. Primeira parte: vantagem Nigéria A selecção nigeriana, que tinha...
-+=