Encontro reúne filósofos da América e da África

A conferência assume-se como um contributo ao diálogo «fluído» entre indivíduos e grupos. O evento insere-se no quadro das celebrações do ano internacional dos afrodescendentes


De 18 a 20 de Abril, a UNESCO, agência das Nações Unidas para a Educação, Ciência e Cultura promove um encontro de filósofos da África e da América, nos Estados Unidos da América. A conferência assenta num fim específico: a riqueza intelectual da partilha entre culturas de diferentes regiões. Entre outros objectivos, visa estabelecer uma rede sólida de universitários nos vários cantos do mundo afim de fortificar a cooperação académica.

Um célebre filósofo afro-americano afirmava que o diálogo autêntico exige uma «unidade fluida e funcional». «Equivalência e reciprocidade» são as suas normais vitais, defendia Alain Locke. Também a conferência se assume como um contributo ao diálogo «fluído» entre indivíduos e grupos.

A iniciativa ganha especial relevo num mundo que se depara com fortes movimentos migratórios e fuga de cérebros de um continente para outro. O evento insere-se no quadro das celebrações do ano internacional das pessoas de ascendência africana, proclamado pela Nações Unidas para 2011.

Fonte: Fátima Missionária

+ sobre o tema

Fundo Rotativo Solidário beneficiará empreendedores do Fórum da Economia do Negro de Fortaleza (CE)

Por: Karol Assunção   Adital – Empreendedores/as da capital cearense organizados...

Raça e Cor – Eu visto esta camisa! Raça, cor e etnia no SUS

O Projeto Identidade trata da questão de direitos humanos,...

para lembrar

UFMG promove colóquio sobre quilombos e educação

Conversas sobre quilombos e educação é o tema...

Caminhada Cultural Pela Liberdade Religiosa e Pela Paz.

No Brasil, devido a convivência de várias culturas...

Excelência, se o povo gritar o senhor acorda?

Por: Arísia Barros A Terra dos Marechais é...
spot_imgspot_img

João Cândido e o silêncio da escola

João Cândido, o Almirante Negro, é um herói brasileiro. Nasceu no dia 24 de junho de 1880, Encruzilhada do Sul, Rio Grande do Sul....

Com discurso de Lula e da ministra Anielle Franco no Fórum de Afrodescendentes na ONU, Geledés aponta que o Brasil está no caminho certo...

“Para Geledés, o Fórum Permanente de Afrodescendentes é extremamente importante, porque pode construir, no sentido mais amplo, compromissos de enfrentamento ao racismo global. Sobre...

Levantamento mostra que menos de 10% dos monumentos no Rio retratam pessoas negras

A escravidão foi abolida há 135 anos, mas seus efeitos ainda podem ser notados em um simples passeio pela cidade. Ajudam a explicar, por...
-+=