Escola estadual promove mostra cultural afro-brasileira, indígena e cigana em Joinville

A exposição resgata ainda estudo sobre o fotógrafo brasileiro Sebastião Salgado.

No Governo de Santa Catarina 

A mostra multidisciplinar vai reunir, da cultura indígena, os nomes de ruas, a simbologia das figuras, a culinária e a utilização de ervas como cura. Do povo cigano, os trabalhos dos estudantes apresentam as músicas, instrumentos e danças e rituais espirituais praticados. “Acredita-se que os instrumentos eram tocados para retirada dos maus espíritos, mas é difícil estudar o povo cigano”, comenta a professora de história, Adriana Jacinto de Carvalho.

Para o professor de sociologia, Izequiel José Fereira da Costa, a identidade cultural e a violação foram os aspectos mais marcantes no levantamento de informações sobre afro-brasileiros. “O preconceito às religiões de matrizes africanas também são abordados assim como a musicalidade e os instrumentos utilizados”.

Na quinta-feira também haverá um desfile sobre a moda e tendências dos povos. Será às 19 horas no Clube 25 de Agosto. Cantores e compositores brasileiros integram a atividade com interpretação das canções de Clara Nunes feitas pela cantora Rafaela Antonioli. O projeto tem apoio da Gerência Regional de Educação (Gered) e Universidade da Região de Joinville (Univille).

“Quem visitar a escola poderá conhecer as salas temáticas e ter conhecimento de mais um aspecto da nossa história e como os costumes precisaram ser readaptados para se agregarem harmoniosamente a outras culturas”, comenta Adriana. Os espaços na unidade de ensino estarão abertos das 7h30 às 12 horas.

Informações adicionais para a imprensa:
Ana Paula Keller
Assessoria de imprensa
Secretaria de Estado de Desenvolvimento Regional de Joinville
E-mail:  [email protected] / [email protected]
Telefone: (47) 3461-1225 / (47) 9240-8064
Site: sdrs.sc.gov.br/sdrjoinville

+ sobre o tema

Coletivo Luiza Bairros: conheça grupo que atua no combate ao racismo institucional na UFBA

A principal estratégia utilizada é na exigência do cumprimento...

Após reivindicação do movimento negro, sítio arqueológico no centro do Rio será preservado

Diferente das ossadas humanas descobertas durante escavações próximas à...

Agenda única de eventos em novembro celebra a consciência negra na UFMG

Iniciativa, que une comunidade e gestão, integra formação, informação...

para lembrar

Palmares promove exposição de arte africana

Em comemoração ao Ano Internacional dos Povos Afrodescendentes, a...

‘Vozes pela Igualdade’ começa nesta segunda

Questões de raça e etnia são temas da programação...

Em 6 meses, governo identificou 407 mil famílias na extrema pobreza

Após seis meses da criação do programa Brasil Sem...
spot_imgspot_img

Câmara aprova projeto que torna Dia da Consciência Negra feriado nacional; texto vai à sanção

Por 286 votos a favor e 121 contrários, a Câmara dos Deputados aprovou nesta quarta-feira (29) um projeto de lei que declara o dia 20 de...

Profissionais negros reinventam suas carreiras na TV e avaliam a importância da discussão racial

No Dia da Consciência Negra, o gshow conversou com artistas que compartilham a jornada que é ser um profissional preto na teledramaturgia. Entre eles, atores, atrizes e...

“Quanto mais diversos formos, melhores seremos”

Uma das mais destacadas intelectuais em atividade no país, a historiadora e antropóloga Lilia Schwarcz, docente da Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas...
-+=