Ex pede abraço de despedida e dá 13 facadas em estudante de Pitangueiras

Estudante passou por cirurgia e seu estado de saúde é estável

por José Maria Tomazela para o O Estado de S.Paulo

Depois de tentar em vão reatar o namoro com a estudante Whailly Michele Mendes da Silva, de 24 anos, o ex-namorado dela pediu um abraço de despedida. Quando a jovem se aproximou, ele a atingiu com 13 facadas, na noite de sábado, 4, em Ibitiúva, distrito de Pitangueiras, interior de São Paulo. O agressor, identificado como Maycon Felipe de Oliveira Francisco, de 19 anos, fugiu e não tinha sido localizado até a tarde desta segunda-feira, 6. A jovem continuava internada na Santa Casa de Pitangueiras.

A tentativa de homicídio aconteceu às 22h, em frente à casa da vítima, na Rua 11, região central do distrito. Uma prima da estudante, Suelen Cristina da Silva, contou à Polícia Civil que o rapaz teve um relacionamento de seis meses com a estudante, que terminou depois de ter sido maltratada e ameaçada por ele. Na noite do crime, o suspeito voltou a procurar a jovem e insistiu para que voltassem. Maycon alegou que a mãe o havia “tocado” de casa e queria morar com ela. Como Whailly se negou, ele pediu um abraço para ir embora e deixá-la em paz.

A testemunha disse que o rapaz esfaqueou a ex seguidamente no peito, braços, cabeça e costas sem dizer uma palavra, enquanto ela gritava. Ele só parou quando Suelen interveio. A estudante foi levada para o hospital e passou por uma cirurgia. Nesta segunda, seu estado era estável. Whailly já havia registrado boletim de ocorrência contra o ex por ameaça, mas não deu seguimento ao inquérito. A prisão temporária do suspeito já foi decretada pela justiça.

+ sobre o tema

ONU cria orientação para empresas combaterem discriminação contra LGBTQI+

A questão é tão óbvia que nem deveria ser motivo...

Avon se junta à ONU para combater a LGBTIfobia em ambientes de trabalho

A marca aderiu aos Padrões de Conduta da Organização...

As mulheres negras e o feminismo no Brasil

Pretendo falar aqui sobre a relação entre gênero e...

para lembrar

Ajude uma preta a ser escritora – escritora faz vaquinha na internet para lançar livro

Priscila sempre gostou de escrever, mas foi aos 14...

Heloisa Buarque de Hollanda é eleita para a Academia Brasileira de Letras

A paulista Heloisa Buarque de Hollanda, professora emérita da...

Mulheres Afrodescendentes e Protestantismo: uma abordagem brasileira

Este ensaio Mulheres Afrodescendentes e Protestantismo: uma abordagem brasileira tem como objetivo...
spot_imgspot_img

Aborto legal: ‘80% dos estupros são contra meninas que muitas vezes nem sabem o que é gravidez’, diz obstetra

Em 2020, o ginecologista Olímpio Moraes, diretor médico da Universidade de Pernambuco, chegou ao hospital sob gritos de “assassino” porque ia interromper a gestação...

O que está em jogo com projeto que torna homicídio aborto após 22 semanas de gestação

Um projeto de lei assinado por 32 deputados pretende equiparar qualquer aborto realizado no Brasil após 22 semanas de gestação ao crime de homicídio. A regra valeria inclusive para os...

Moraes libera denúncia do caso Marielle para julgamento no STF

O ministro Alexandre de Moraes, do Supremo Tribunal Federal (STF), liberou nesta terça-feira (11) para julgamento a denúncia da Procuradoria-Geral da República (PGR) contra...
-+=