Fábrica de revelações – Futebol Brasileiro

Artigo produzido por Redação de Geledés

A semifinal entre Palmeiras e São Paulo, dia 07/04, mostrou definitivamente que futebol é um esporte em que todas as previsões, não passam realmente de mera previsão. De um lado um time milionário, maduro e cheio de nomes de peso, de outro um time que aos poucos vem saindo da crise, ao menos dentro de campo e cheio de jovens.

Dos 11 que entraram em campo pela equipe do São Paulo, ontem na Arena Allianz, 3 ao menos são atletas jovens, e que vieram da base do clube ; Antony, Liziero, Igor Gomes. O São Paulo, mostra que nos últimos anos vem realizando um excelente trabalho na formação de atletas para o clube e para o mercado, exemplo de David Neris, que hoje brilha no futebol da Holanda.

Indica ainda de que nem sempre o investimento em atletas já consagrados é o melhor caminho para se chegar a títulos. Sabemos que a mescla entre experiência e juventude, sempre foram uma boa combinação no futebol. O São Paulo vem seguindo esta linha de pensamento e sabe que ainda tem muito por melhorar, mas para uma equipe que até 3 semanas atrás vinha sendo duramente criticada, a conquista para a final do paulista mostra que em meio à turbulência, a vontade dos jovens fez diferença.

As duas partidas da semifinal do Paulistão 2019, não foram exatamente partidas empolgantes, dois resultados de 0 x 0, o técnico cuca ontem adorou um estratégia de jogo conservadora, basicamente com duas linhas de 4 – Hudson, Bruno Alves, Arboleda e Reinaldo na defesa, Luan, Liziero, Igor e Everton, deixando a frente Everton Felipe e Antony, este último responsável por puxar os contra-ataques tricolor.

Em disputa de pênaltis, brilhou a estrela do também contestado goleiro Thiago Volpi, que antes de defender o segundo penalti, havia acabado de desperdiçar uma das cobranças em defesa de Fernando Prass (Palmeiras).

Sorte ao São Paulo e aos jovens tricolores, que hoje esperam o resultado entre Santos e Corinthians.

+ sobre o tema

“O dia 25 de julho é um marco de luta para as negras”

por Kátia Mello Em sua quinta edição, é possível dizer...

Aline Gabriela Afonso, ex-auxiliar de limpeza, arrecada alimentos para ajudar famílias da periferia

A série Geledés- Retratos da Pandemia está sendo retomada neste mês...

Mudanças climáticas e os impactos na saúde da população negra

Em 1989, Spike Lee lançou “Faça a Coisa Certa”,...

para lembrar

Mascaradas de encerramento – Gelede

Assim como as mascaradas introdutórias trazem o festival ao...

Mulheres Negras nas ruas. Ouçam nossas vozes!

Somos as mulheres negras de São Paulo que ajudaram...

STF reconhece inconstitucionalidade de proibição de gênero em escolas

O Supremo Tribunal Federal (STF) concluiu nesta sexta-feira, dia...

Geledés e Alana lançam pesquisa sobre municípios que colocam a Lei 10.639/03 em prática

Em Diadema (SP), após um ano de implementação da Lei 10.639/03, que há 20 anos alterou a LDB e instituiu a obrigatoriedade do ensino da história e...

Posicionamento: pela divulgação do Relatório de Monitoramento de Violações na Baixada Santista

Geledés -Instituto da Mulher Negra apoia a Comissão Arns e as organizações da sociedade civil no repúdio às execuções sumárias e com exigência de...

Aos ‘parças’, tudo

Daniel Alves da Silva, 40 anos, 126 partidas pela Seleção Brasileira, 42 títulos, duas vezes campeão da Copa América e da Copa das Confederações,...
-+=