quinta-feira, outubro 28, 2021
InícioÁfrica e sua diásporaFeira Preta inaugura Casa PretaHub no Recôncavo Baiano com foco no fomento...

Feira Preta inaugura Casa PretaHub no Recôncavo Baiano com foco no fomento do empreendedorismo local

Menos de um ano após inauguração de uma unidade em São Paulo, projeto de Adriana Barbosa, fundadora da Feira Preta, chega ao estado com maior população negra fora do continente africano

Cumprindo a proposta de expandir para outros estados, a Casa Pretahub, inaugurada em setembro do último ano em São Paulo, acaba de abrir as portas em um casarão na cidade de Cachoeira, no Recôncavo Baiano. Localizada na Rua 25 de junho, 04, no centro de Cachoeira, o espaço segue a estrutura da unidade paulista, com foco em transformação digital de negócios criados por empreendedores negros e conta com apoio da Suvinil, do Facebook, da Diageo e do Mercado Livre, e fortalecimento Institucional do Institutos Alok e ACP, da Nívea,  e da Fundação Tide Setubal. 

Com 800 m², a Casa PretaHub baiana possui estúdio de foto e vídeo feito em parceria com o Facebook e o estúdio de áudio, em construção para gravação de música e podcasts, feitos em parceria com o Instituto Alok, cozinha compartilhada, biblioteca, área de exposições, loja colaborativa apresentada pelo Mercado Livre, café e salas para workshops e ambientes que podem ser ocupados por profissionais autônomos e empresas. A grande novidade do projeto encabeçado por Adriana Barbosa, fundadora da Feira Preta, maior evento de cultura negra da América Latina, é o espaço para hospedagem. O casarão possui 06 quartos prontos para receber artistas, criativos e inventivos para a experiência de residência artística de todo o Brasil.

“Inaugurar a Casa PretaHub na Bahia, maior comunidade de negros e negras fora do continente africano, é a realização de um sonho. Neste ano, a Feira Preta realiza sua 20ª edição, e neste período, com o hub de inventividade preta, a PretaHub, desenvolvemos diversos programas com intuito de impulsionar os afroempreendedores. A casa é a personificação de tudo o que já desenvolvemos e dá um lastro permanente. É um espaço que permite o apoio a esses profissionais desde o processo criativo até o escoamento dos projetos. Tudo isso resgatando a nossa ancestralidade e dando todas as ferramentas para as potências pretas”, diz Adriana.

A estrutura possui um modelo de negócio híbrido que mescla serviços e reservas gratuitas com pagas. Por exemplo, as reservas podem ser feitas sem custo no site da PretaHub, mas a utilização do espaço possui limitação de tempo. Caso queiram utilizá-lo por mais horas ou dispor do auxílio de um técnico de som, uma produtora, entre outros serviços, há um custo. A mão de obra oferecida é fornecida 100% por empreendedores negros alocados no espaço. 

Espaço para manifestações artísticas, não poderia faltar ocupação para construção dos detalhes do casarão. A PretaHub contou com seis artistas, três locais, Marcos da Mata, Maria Struduth e Eloisa França, e três externos, Mozana Amorim, de Salvador (BA),  Francine Moura, de Angra dos Reis (RJ), e Ramo, de São Paulo (SP), que ocuparam a estrutura durante dez dias, período em que Adriana e Danielle Almeida fizeram um Afrolab especial com eles. Os artistas foram responsáveis pelas pinturas no interior do imóvel. Para entender melhor a cultura local, vários locais tradicionais da cidade e do entorno foram visitados, como a Casa de Cerâmica, a fábrica de charutos, além de algumas personalidades históricas da cidade e um quilombo que tem no município. Essas imersões possibilitaram que os artistas sentissem e vivenciassem o Recôncavo Baiano, o que fez com que cada obra retratasse a Bahia como ela é.

Liderado por Eliana Gonzaga de Jesus, prefeita de Cachoeira e primeira mulher negra eleita, o município baiano conhecido por ‘Cidade Heróica’ conta com 33 470 mil habitantes e é uma das principais referências da cultura baiana. Em sua maioria composta por afrodescendentes, a cidade se destaca pela forte presença das religiões de matriz africana e também pelo festejo da Irmandade da Boa Morte em homenagem à Nossa Senhora da Boa Morte, que por muito tempo foi responsável pela alforria de inúmeros escravizados. 

Para mais informações sobre a Casa Pretahub acesse https://casapretahub.com.br/

Serviço

Casa PretaHub Cachoeira 

Endereço: Rua Vinte e cinco de junho, 04, centro, Cachoeira – BA

Informações:  https://casapretahub.com.br/

Sobre a PretaHub

PretaHub é uma aceleradora do empreendedorismo negro no Brasil. Um hub de criatividade, inventividade e tendências pretas. É uma evolução da experiência de 18 anos da Feira Preta, maior evento de cultura e economia negra da América Latina, que em 2018 atingiu sua maioridade. Quer saber mais? www.pretahub.com

** ESTE ARTIGO É DE AUTORIA DE COLABORADORES OU ARTICULISTAS DO PORTAL GELEDÉS E NÃO REPRESENTA IDEIAS OU OPINIÕES DO VEÍCULO. PORTAL GELEDÉS OFERECE ESPAÇO PARA VOZES DIVERSAS DA ESFERA PÚBLICA, GARANTINDO ASSIM A PLURALIDADE DO DEBATE NA SOCIEDADE. 

RELATED ARTICLES