Felipe se defende de acusação de racismo feita por Elias, do Corinthians

Fonte: Globo.com

A partida entre Goiás e Corinthians, no Serra Dourada, terminou sem gols, mas com o clima pegando fogo entre dois jogadores: o atacante Felipe, do Esmeraldino, e o meia Elias, do Timão. De acordo com o jogador da equipe paulista, Felipe teria dado declarações racistas a ele. Porém, o centroavante se defendeu:

– Ele me xingou de tudo o que foi nome após um lance de jogo. Então eu disse: ‘Calma, neguinho, você está muito nervoso.’ Na mesma hora um outro jogador corintiano correu em direção ao árbitro dizendo que eu havia chamado o Elias de macaco. Mentira. Sempre chamei de neguinho todos os meus amigos e companheiros de clube, de uma forma carinhosa, assim como também nunca tive nenhum tipo de preconceito. Inclusive, na hora, o Victor, lateral do Goiás, que é negro e estava próximo, perguntou ao Elias se ele queria ser chamado de branquinho. Sobre o que ele falou de mim na imprensa, quando voltou a me xingar, acredito que com a cabeça fria vai pensar sobre o que disse e ainda vai se arrepender dessas acusações infundadas. Estou triste com essa situação – esclareceu.

Felipe ainda reclamou do cartão amarelo que levou por ter simulado uma penalidade máxima:

– Não acho que ele estava mal-intencionado. Ele apenas errou. Sofri um pênalti claro que, além de não ter sido marcado, ainda fui punido com um cartão amarelo – concluiu.

 

Matéria original: Felipe se defende de acusação de racismo feita por Elias, do Corinthians

+ sobre o tema

STF volta a proibir a apreensão de menores sem o devido flagrante nas praias do Rio

Após audiência realizada na manhã desta quarta-feira, em Brasília, o STF determinou...

Adolescente denuncia mulher por agressão e injúria racial em Rio Preto

Um adolescente de 13 anos denunciou ter sofrido injúria...

para lembrar

Ator é vítima de racismo durante espetáculo:’Isso não pode ficar impune’

Uma espectadora interrompeu a peça e deu uma banana No...

Racismo filho do fascismo

A luta para acabar com as repetidas manifestações de...

Minas registra um novo caso de racismo a cada 22 horas e 16 minutos

Expressivo, número de crimes raciais levados aos tribunais está...

Estudantes do Congo acusam Brigada Militar de racismo no Rio Grande do Sul

Africanos acusam BM de racismo e constrangimento por Jessica...
spot_imgspot_img

Quanto custa a dignidade humana de vítimas em casos de racismo?

Quanto custa a dignidade de uma pessoa? E se essa pessoa for uma mulher jovem? E se for uma mulher idosa com 85 anos...

Unicamp abre grupo de trabalho para criar serviço de acolher e tratar sobre denúncias de racismo

A Unicamp abriu um grupo de trabalho que será responsável por criar um serviço para acolher e fazer tratativas institucionais sobre denúncias de racismo. A equipe...

Peraí, meu rei! Antirracismo também tem limite.

Vídeos de um comediante branco que fortalecem o desvalor humano e o achincalhamento da dignidade de pessoas historicamente discriminadas, violentadas e mortas, foram suspensos...
-+=