Hoje, CBF promove “Rodada contra o Racismo”

Penútima data do Brasileirão deverá conscientizar sobre um assunto ‘quente’ do futebol mundial

Depois de muita polêmica envolvendo a FIFA, a CBF resolveu entrar na discussão sobre o racismo. Tanto que a 37ª rodada do Brasileirão, nesse domingo, será considerada a ‘Rodada contra o Racismo’, a fim de conscientizar e não deixar morrer um tópico que merece ser debatido, conforme indica nota oficial.

O presidente Ricardo Teixeira rebateu as declarações de Joseph Blatter, que disse que casos de discriminação poderiam ser resolvidos com um simples aperto de mãos.

“Racismo não se resolve com aperto de mão e nem quem sofre esquece no dia seguinte. Não é justificável pelo calor de uma partida, não pode ser interpretado como gesto de torcedor. É algo intolerável, que não condiz com o esporte. O futebol, como catalisador de transformações no mundo e fenômeno capaz até de interromper guerras, deve ter um papel primordial na busca de soluções para essa prática”, disse o mandatário.

A ação ganhou adeptos. O técnico da Seleção, Mano Menezes, também se manifestou no comunicado.

“O racismo no futebol não pode ser tratado e não admite meio termo. Tem de ser resolvido de maneira forte. É muito cômodo uma pessoa apertar a mão da outra depois do jogo para pedir desculpa por uma ofensa ao que ele tem de mais sagrado e significativo. A solução é buscar nos mecanismos legais que já existem a forma de haver uma punição muito rígida.”

Entre outras figuras, Ronaldo, Romário e Neymar também se engajaram na discussão, que tomou novo contorno após o episódio com o brasileiro Edimar, que joga na Grécia. A torcida do PAS Giannina, imitou um macaco quando o jogador pegava na bola. Outras ocorrências, como lembra a CBF, envolveram atletas como Daniel Alves, Gilberto Silva e Roberto Carlos.

 

 

 

 

Fonte: Goal

+ sobre o tema

Protocolo negro

Quem é negro costuma cumprir um protocolo ao colocar...

Cidinha da Silva e as urgências de Cronos em “Tecnologias Ancestrais de Produção de Infinitos”

Em outra oportunidade, dissemos que Cidinha da Silva é, assim...

Fiocruz alerta para aumento da taxa de suicídio entre criança e jovem

A taxa de suicídio entre jovens cresceu 6% por...

para lembrar

Série de fotos histórica escancara o racismo nos EUA da década de 1950

Se o ano de 1956 pode hoje parecer distante...

Presidente de clube é condenado por racismo

-Fonte: Jornal de Uberaba - Presidente de um clube...

Ator global vai à polícia após filha ser alvo de racismo

Do Pragmatismo PoliticoAtor Bruno Gagliasso prestou queixa na Delegacia...

Racismo e opressão no governo italiano

Por Marina Fuser*   Novos escândalos colocam o primeiro-ministro italiano de...
spot_imgspot_img

Quanto custa a dignidade humana de vítimas em casos de racismo?

Quanto custa a dignidade de uma pessoa? E se essa pessoa for uma mulher jovem? E se for uma mulher idosa com 85 anos...

Unicamp abre grupo de trabalho para criar serviço de acolher e tratar sobre denúncias de racismo

A Unicamp abriu um grupo de trabalho que será responsável por criar um serviço para acolher e fazer tratativas institucionais sobre denúncias de racismo. A equipe...

Peraí, meu rei! Antirracismo também tem limite.

Vídeos de um comediante branco que fortalecem o desvalor humano e o achincalhamento da dignidade de pessoas historicamente discriminadas, violentadas e mortas, foram suspensos...
-+=