Idosos, mulheres e negros precisam mais do sol

Idosos, mulheres de todas as idades e pessoas com maior pigmentação na pele constituem os principais grupos de risco para maiores perdas de vitamina D no organismo. Um novo estudo encomendado pela Fundação Internacional de Osteoporose (IOF, na sigla em inglês) e publicado no periódico científico Osteoporosis International, mostrou que a população mundial está sofrendo de uma diminuição sensível nos níveis de vitamina D. O problema eleva o risco para vários problemas de saúde e de incidência de fraturas. Os dados reunidos pelo grupo de especialistas em nutrição do IOF representam um panorama do problema nos 4 continentes.

Fonte: O que eu Tenho

China Photos / Getty Images

A vitamina D é produzida principalmente na camada de pele exposta à luz do sol e derivada de uma boa alimentação. A produção dessa vitamina influencia nos níveis de cálcio no organismo e é necessária para o bom crescimento e mineralização dos ossos. Baixos níveis da vitamina D podem aumentar os riscos de osteoporose e fratura nos quadris e, em casos extremos, contribuir para o desenvolvimento de doenças ósseas, fraturas diversas e deformidades.

Outros fatores contribuíram ao longo dos anos, como a permanência por longos períodos em apartamentos e em escritórios fechados, assim como hábitos culturais ligados às roupas. O estudo da IOF sugere encorajar as pessoas a se exporem ao sol (de 10 a 15 minutos em partes como braços, mãos e rosto) e aumentar a ingestão de vitamina D na forma de alimentos como salmão, sardinhas (mesmo em latas) e ovos.

 

Matéria original: Idosos, mulheres e negros precisam mais do sol

+ sobre o tema

População Negra, Racismo e Sofrimento Psíquico

O Brasil é um país pluri-étnico que tem em...

A epidemia das cesáreas brasileiras chega ao Congresso

Mulheres em ato pela humanização do parto, em 11...

Bebês com três pais serão possíveis a daqui dois anos, dizem cientistas

James Gallagher Cientistas britânicos dizem que, em mais dois anos,...

Atletas de países com ebola não poderão competir nos Jogos Olímpicos da Juventude na China

Comitê Olímpico Internacional proibiu africanos de participar nas modalidades...

para lembrar

População Negra, Racismo e Sofrimento Psíquico

O Brasil é um país pluri-étnico que tem em...

Projetos em andamento no Geledés ano 2013

O Geledés Instituto da Mulher Negra completa hoje 25...

Morto na porta de hospital sofreu discriminação, diz família

Familiares do vigilante que morreu após ser vítima de...

Polícia britânica ‘atirou apenas três vezes’ em um ano

Os números chamam atenção quando comparados aos de outros...
spot_imgspot_img

Seminário promove debate sobre questões estruturais da população de rua em São Paulo, como moradia, trabalho e saúde

A Fiesp (Federação das Indústrias do Estado de São Paulo), a Comissão de Defesa dos Direitos Humanos D. Paulo Evaristo Arns – Comissão Arns...

A indiferença e a picada do mosquito

Não é preciso ser especialista em saúde para saber que condições sanitárias inadequadas aumentam riscos de proliferação de doenças. A lista de enfermidades que se propagam...

Mulheres pretas e pardas são as mais afetadas pela dengue no Brasil

Mulheres pretas e pardas são o grupo populacional com maior registro de casos prováveis de dengue em 2024 no Brasil. Os dados são do painel de...
-+=