Imigrante africano é agredido com taco de beisebol por 4 homens em SP

Agressões aconteceram na manhã da última quarta-feira (30) e um dos homens ainda tinha um taco de beisebol.

no Revista Fórum

Na manhã da última quarta-feira (30), um imigrante africano foi agredido por quatro homens brancos em uma rua do centro de São Paulo. Ele foi abordado pelos agressores quando voltava para casa, que pediram para ele entrar no carro, inicialmente de forma cordial. Quando o imigrante se recusou e tentou se desvencilhar da abordagem, começou a ser espancado. Um dos homens ainda tinha um taco de beisebol.

Os agressores só pararam de agredi-lo quando pessoas em situação de rua começaram a gritar e denunciar as agressões.

Ele conseguiu chegar em casa e entrar em contato com alguns amigos que o acompanharam no hospital para realizar exames. O resultado dos exames não indicaram nenhuma lesão e complicação e o agredido pôde voltar para casa.

O Centro de Referência e Atendimento para Imigrantes (CRAI) prestou ajuda ao imigrante e disse, através de uma nota, que repudia as agressões.

“A motivação do ataque ainda é desconhecida, mas é importante ressaltar que os índices de violência no Brasil são sempre mais altos quando se trata de jovens negros. Além disso, as diferentes camadas de vulnerabilidade na condição de vida dos imigrantes no Brasil têm exposto muitos deles a uma série de situações de violência e opressão. O CRAI/Sefras repudia esse e outros ataques que já aconteceram contra imigrantes em nossa cidade e apela à sociedade paulistana para que se posicione sempre em solidariedade aos oprimidos da nossa terra”, escreveram.

+ sobre o tema

Nath Finanças entra para lista dos 100 afrodescendentes mais influentes do mundo

A empresária e influencer Nathalia Rodrigues de Oliveira, a...

Ministério da Igualdade Racial lidera ações do governo brasileiro no Fórum Permanente de Afrodescendentes da ONU

Ministra da Igualdade Racial, Anielle Franco, está na 3a sessão do...

Crianças do Complexo da Maré relatam violência policial

“Um dia deu correria durante uma festa, minha amiga...

Concurso unificado: saiba o que o candidato pode e não pode levar

A 20 dias da realização do Concurso Público Nacional...

para lembrar

Racismo no centro de Londrina

Ruthe Oliveira é jornalista, uma das pessoas que conhece...

(Des)igualdade e as práticas sociais

JOSÉ EDUARDO DA SILVA "Olha de novo: não existem...

Funcionário é demitido após postar foto com garoto negro

Gerod Roth perdeu o emprego por conter comentários racistas...

Grêmio entrega vídeo e quer punição a torcedor racista

Zagueiro Paulão, do Inter, foi vítima de racismo durante...
spot_imgspot_img

Crianças do Complexo da Maré relatam violência policial

“Um dia deu correria durante uma festa, minha amiga caiu no chão, eu levantei ela pelo cabelo. Depois a gente riu e depois a...

Instituto Odara lança dossiê sobre a letalidade policial que atinge crianças negras na Bahia

O Odara - Instituto da Mulher Negra torna público o documento “Quem vai contar os corpos?”: Dossiê sobre as mortes de crianças negras como consequência...

Polícia Civil de Alagoas prende homem por injúria racial e ameaça

A Polícia Civil, por meio da seção de capturas da Dracco, realizou nesta terça-feira (9), o cumprimento de um mandado de prisão contra um...
-+=