sexta-feira, setembro 17, 2021
InícioQuestão RacialCasos de RacismoIsraelenses de origem etíope protestam contra racismo

Israelenses de origem etíope protestam contra racismo

Ao menos mil israelenses de origem etíope e militantes que apoiam seu movimento protestaram na tarde desta segunda-feira em Tel Aviv para denunciar o “racismo” e a discriminação contra este grupo, constatou a AFP.

Do Em

Alguns incidentes esporádicos ocorreram no centro de Tel Aviv entre manifestantes e a polícia durante a passeata, que foi acompanhada por um importante dispositivo policial.

No início do mês, em Jerusalém e Tel Aviv, ocorreram confrontos violentos entre israelenses etíopes e a polícia, com mais de 60 pessoas – entre policiais e manifestantes – ficando feridas na última cidade.

Nesta segunda-feira, os manifestantes gritaram para exigir “justiça social” e “a prisão dos policiais racistas”.

Um vídeo na Internet onde se vê um soldado de origem etíope sendo agredido por policiais provocou a ira da comunidade judia etíope.

Mais de 135 mil judeus israelenses são de origem etíope, descendentes de comunidades que ficaram isoladas dos demais judeus durante séculos e que as autoridades religiosas de Israel reconheceram tardiamente como membros do judaísmo.

Esta decisão provocou a criação de duas pontes aéreas, em 1984 e 1991, para trazer cerca de 80 mil judeus a Israel.

O primeiro-ministro de Israel, Benjamin Netanyahu, e o presidente israelense, Reuven Rivlin, denunciaram mais uma vez no domingo o racismo contra os judeus negros.

RELATED ARTICLES