Leci avança na luta contra os autos de resistência.

 

Foi aprovada nesta quarta-feira (12), por unanimidade, na Comissão de Constituição, Justiça e Redação da Assembleia Legislativa de São Paulo, a moção 119/2013, de autoria da deputada Leci Brandão (PCdoB/SP), que manifesta apoio à aprovação do PL 4471/2012, que propõe o fim dos autos de resistência.

O PL 4471 altera o Código de Processo Penal e prevê a investigação das mortes e lesões corporais cometidas por policiais durante o trabalho. Atualmente esses casos são registrados pela polícia como autos de resistência ou resistência seguida de morte e não são investigados.

O “auto de resistência” é uma medida administrativa criada durante a ditadura militar brasileira para legitimar a repressão policial comum à época. Esse tipo de recurso tem permitido que o policial que comete um assassinato em serviço não seja preso em flagrante, assim como autoriza que o ato não seja investigado. Na prática, os policiais afirmam que deram voz de prisão, mas as pessoas se recusaram a obedecer, “obrigando” o agente a usar toda a sua força, inclusive para matar.

“A aprovação do PL não é um ataque à corporação policial, mas uma defesa da vida, dos bons profissionais, da cidadania, da justiça e da correta apuração de crimes cujas vítimas têm sido, em grande maioria, a juventude negra e pobre”, declara Leci.

*Texto da assessoria da deputada Leci Brandão (PCdoB/SP).

Fonte: Vermelho

+ sobre o tema

53,5% dos negros brasileiros já estão na classe média

Pesquisa do economista da FGV Marcelo Neri também mostra...

Conferência Nacional de Saúde – Mobilização alcança 75% dos municípios brasileiros

Em 2011, a Conferência Nacional Saúde reforça conquistas ao...

Casamento no Candomblé ao som de tambores africanos

POR ELI ANTONELLI Casamentos nos espaços sagrados das...

Em livro, pesquisadores desmistificam suposta ausência de negros na Amazônia

por Monica Prestes Obra produzida por 13 pesquisadores relata...

para lembrar

spot_imgspot_img

João Cândido e o silêncio da escola

João Cândido, o Almirante Negro, é um herói brasileiro. Nasceu no dia 24 de junho de 1880, Encruzilhada do Sul, Rio Grande do Sul....

Levantamento mostra que menos de 10% dos monumentos no Rio retratam pessoas negras

A escravidão foi abolida há 135 anos, mas seus efeitos ainda podem ser notados em um simples passeio pela cidade. Ajudam a explicar, por...

Racismo ainda marca vida de brasileiros

Uma mãe é questionada por uma criança por ser branca e ter um filho negro. Por conta da cor da pele, um homem foi...
-+=