quinta-feira, setembro 23, 2021
InícioÁfrica e sua diásporaPatrimônio CulturalLenda do soul e do R&B, Bobby Womack morre nos EUA

Lenda do soul e do R&B, Bobby Womack morre nos EUA

O cantor e compositor americano Bobby Womack, um das mais reconhecidas e longevas vozes do soul e do R&B dos Estados Unidos, morreu nesta sexta-feira nos Estados Unidos, confirmou sua gravadora, a XL Records. Ele tinha 70 anos. As causas da morte ainda não foram reveladas. Ele sofria de câncer colorretal e diabetes.

Nascido em Cleveland, Womack deu os primeiros passos na música junto de seus irmãos Cecil, Curtis, Harry e Friendly Jr, formando o quinteto gospel The Valentinos. Mas foi trabalhando com as grandes vozes da música soul americana como Sam Cooke, Sly Stone e Wilson Picket que Womack atingiu o estrelato na década de 60, com a cançãoIt’s All Over Now, que posteriormente se tornou famosa com os Rolling Stones e garantiu à banda inglesa seu primeiro grande hit.

Após a morte de Cooke, de quem era guitarrista e com quem manteve uma de suas mais prolíficas parcerias, Womack viveu, no entanto, um período de decadência musical. Acusado de oportunismo por tentar ganhar dinheiro às custas de Cooke, ele foi desprezado pela comunidade R&B.

Womack continuou como guitarrista de grandes artistas no final da década de 60, incluindo Ray Charles, Joe Tex, King Curtis e Aretha Franklin. No início da década de 70, ele começou a alçar seu primeiro voo solo com o álbum de estreia Communication, seguido por outros discos bem-sucedidos.

Em seu livro de memórias em 2007, Womack admitiu que o vício em cocaína quase lhe tirou a vida. Também contou que um de seus piores momento foi quando perdeu seu filho recém-nascido de maneira repentina em 1976.

Em 1994, sua carreira ganhou sobrevida com o lançamento do álbum Ressurrection, com participações de artistas como Ron Wood, Keith Richards, Rod Stewart e Stevie Wonder. Em 2009, Womack foi incluído no Rock & Roll Hall of Fame.

Fonte: Terra

RELATED ARTICLES