Mano Brown é liberado da delegacia após detenção por desacato

Cantor saiu do local por volta das 21h e seguiu direto para casa, sem falar com a imprensa. Segundo investigador, ele foi ouvido e assinou um termo circunstanciado de ocorrência

Por Gustavo Abreu Do Ig

O cantor Mano Brown foi liberado do 37º Distrito Policial, no Campo Limpo, zona sul de São Paulo, após ser detido na tarde desta segunda-feira (6) por desacato e resistência à prisão. Segundo o investigador Luiz Barbosa, o rapper foi ouvido, assinou um termo circunstanciado de ocorrência e só depois foi liberado, sem necessidade de pagar fiança. Brown saiu do local por volta das 21h e seguiu direto para sua residência.

Brown foi detido às 16h na altura do número 1000 da Av. Carlos Caldeira Filho, também no Campo Limpo, por desobediência.

Na página oficial do Racionais MC’s foi compartilhada uma foto nesta noite com a frase“Vida loka é quem estuda”. O grupo tem um show marcado para o dia 11 na cidade de Sumaré, interior de São Paulo.

A assessoria do cantor não foi encontrada.

+ sobre o tema

Maranhão tem 30 cidades em emergência devido a chuvas

Subiu para 30 o número de cidades que decretaram...

O Estado emerge

Mais uma vez, em quatro anos, a relevância do...

Extremo climático no Brasil joga luz sobre anomalias no planeta, diz ONU

As inundações no Rio Grande do Sul são um...

IR 2024: a um mês do prazo final, mais da metade ainda não entregou a declaração

O prazo para entrega da declaração do Imposto de Renda...

para lembrar

Mesmo cansada de guerra, democracia resistirá

O resultado das urnas, em 2022, expôs um país...

Papa Francisco lamenta morte de Desmond Tutu

O papa Francisco lamentou a morte do arcebispo anglicano...

“Roma” desperta orgulho e racismo nos mexicanos

A história de uma empregada doméstica de raízes indígenas...

Bresser Pereira lamenta: o Brasil enlouqueceu

Fundador do PSDB, economista e ex-ministro dos governos Sarney...

Mulheres em cargos de liderança ganham 78% do salário dos homens na mesma função

As mulheres ainda são minoria nos cargos de liderança e ganham menos que os homens ao desempenhar a mesma função, apesar destes indicadores registrarem...

‘O 25 de abril começou em África’

No cinquentenário da Revolução dos Cravos, é importante destacar as raízes africanas do movimento que culminou na queda da ditadura em Portugal. O 25 de abril...

IBGE: número de domicílios com pessoas em insegurança alimentar grave em SP cresce 37% em 5 anos e passa de 500 mil famílias

O número de domicílios com pessoas em insegurança alimentar grave no estado de São Paulo aumentou 37% em cinco anos, segundo dados do Instituto...
-+=