segunda-feira, setembro 27, 2021
InícioEm PautaMembros do PV decidem apoiar Dilma para combater "a direita de sempre"

Membros do PV decidem apoiar Dilma para combater “a direita de sempre”

Por: Renan Ramalho

Carta assinada por 58 verdes critica intolerância da “velha esquerda” com Marina


Um grupo de 58 militantes do Partido Verde divulgou nesta quarta-feira (20) um manifesto em apoio à candidatura presidencial de Dilma Rousseff (PT) sob o argumento de que o adversário José Serra (PSDB) representa a “a direita de sempre”.

Os verdes justificam o apoio por defender “mais inclusão social” e “maior sensibilidade com a realidade de milhões de brasileiros que seguem à margem da própria cidadania”.

– Entendemos que um eventual governo da coligação PSDB-DEM afastaria o Brasil destes grandes desafios, privilegiando os compromissos do “Estado mínimo” e o discurso repressivo do tipo “Lei e ordem”.

O texto tem como um dos principais signatários o ex-deputado Luciano Zica, um dos coordenadores de campanha de Marina Silva (PV), que ficou em terceiro lugar no primeiro turno. O manifesto foi distribuído num ato de apoio de uma parte dos verdes a Dilma em Brasília, nesta quarta-feira (20).

Mais da metade do manifesto justifica a opção pelo voto em Marina no primeiro turno, principalmente por causa da plataforma ambiental. Mas o texto também diz que o voto na candidata representou a rejeição à política dos adversários.

– Parcelas expressivas da população não toleram mais o jogo de cena, as alianças sem programa, os acordos que visam apenas a repartição do poder, a corrupção endêmica que abala as instituições, o oportunismo eleitoral e a demagogia que amesquinha a própria política.

Num trecho, o manifesto diz ainda que Marina, “que jamais desrespeitou ou agrediu seus adversários”, foi tratada com desprezo pela “antiga esquerda”. O texto finaliza, porém, dizendo que foi Dilma quem mais se aproximou das propostas apresentadas pelo PV em prol da sustentabilidade.

Marina e o PV decidiram por não apoiar um dos dois candidatos que disputam a Presidência, mas os militantes foram liberados para apoiar informalmente (sem usar os símbolos do partido) qualquer um dos concorrentes. Na segunda-feira (18), o deputado federal Fernando Gabeira (PV-RJ) e o ex-candidato do PV a governador de São Paulo Fabio Feldmann declararam apoio a Serra.

 

 

Fonte: R7

RELATED ARTICLES