Minas assina acordo pioneiro para enfrentar o racismo

Um acordo pioneiro no Brasil vai levar ações de enfrentamento ao racismo aos alunos da rede pública de ensino de Minas Gerais. Está é a proposta de um Termo de Cooperação Técnica, assinado na tarde desta segunda-feira (23), entre o governo do Estado de Minas Gerais e a Secretaria de Políticas de Promoção à Igualdade Racial da Presidência da República (Seppir/PR).
Minas Gerais será o primeiro Estado a promover a ação. Durante a solenidade de assinatura foi lancada a campanha ” Afro consciência: com essa historia a escola tem tudo a ver”
Cerca de 2 mil escolas, dentre as 3.667 unidades da rede estadual em Minas, irão receber cartilhas com o estatuto da igualdade racial. Os professores também serão incentivados a trabalhar a temática com os alunos.
A secretária de Estado de Educação, Macaé Evaristo, comemorou a parceria, uma vez que consolida a aplicação da lei 10.639, de 2003, que instituiu a obrigatoriedade do estudo da historia da Africa e dos africanos no currículo dos ensinos fundamental e médio.
O Estado também vai realizar um diagnóstico nas escolas da rede para identificar como se dá as relações étnicas e raciais e como o tema é tratado no ambiente escolar.

+ sobre o tema

Fleur East estreia videoclipe colorido e dançante para o single “Sax”

Após algumas prévias vazadas e outra oficial, Fleur East...

Negro Belchior: Hoje é dia de Nelson Mandela

Dia 18 de Julho é aniversário de Nelson Mandela....

Roberto Fonseca: A genialidade de um pianista cubano

Considerado como um dos melhores pinaistas da atualidade,...

Buenaventura vive la más dura epidemia de las desapariciones

  La presencia de las autoridades no ha...

para lembrar

Reggae: ritmo jamaicano sofreu preconceito até ter reconhecimento

A cidade de São Luís tem motivos para comemorar: aos 411...

Mart’nália:Cantora carioca lança CD e DVD gravados em Luanda, na África

Samba africano: Mart'nália segue os passos do pai...

Eu te amo como se tivesse 12 anos de idade

por Adriana Graciano Para CS, “o menino pai do homem” Eu...
spot_imgspot_img

Violência contra territórios negros é tema de seminário com movimentos sociais em Salvador

Diante da escalada de violência que atinge comunidades negras e empobrecidas da capital e no interior da Bahia, movimentos sociais, entidades e territórios populares...

Flávia Souza, titular do Fórum de Mulheres do Hip Hop, estreia na direção de espetáculo infantil antirracista 

Após mais de vinte anos de carreira, com diversos prêmios e monções no teatro, dança e música, a multiartista e ativista cultural, Flávia Souza estreia na...

Segundo documentário sobre Luiz Melodia disseca com precisão o coração indomado, rebelde e livre do artista

Resenha de documentário musical da 16ª edição do festival In-Edit Brasil Título: Luiz Melodia – No coração do Brasil Direção: Alessandra Dorgan Roteiro: Alessandra Dorgan, Patricia Palumbo e Joaquim Castro (com colaboração de Raul Perez) a partir...
-+=