Mulher de Evander Holyfield diz ter sido agredida pelo marido

O ex-campeão mundial de boxe Evander Holyfield está sendo acusado de agressão física pela própria esposa. O incidente teria acontecido no começo do mês, e Candi Holyfield conseguiu uma ordem de restrição contra o lutador, que tem de ficar 500 metros longe dela e dos dois filhos do casal.

A briga em questão teria sido motivada por comprovantes de doações à igreja feitas por Candi Holyfield, que se recusou a mostrar os documentos para o marido. Irritado, o ex-boxeador teria acertado a esposa no rosto, na nuca e nas costas, causando algumas lesões leves.

Procurado pela imprensa, Evander Holyfield não quis comentar o caso, e não se sabe onde ele está morando, já que não pode continuar na casa de Fayettevile, a 32 quilômetros de Atlanta, onde vivia com a família.

Um assessor de imprensa do antigo campeão mundial dos pesos pesados, no entanto, negou as acusações. Segundo ele, Evander e Candi seguem “firme” como um casal.

Fonte: UOL

+ sobre o tema

Barbosa derruba supersalário no Tribunal de Contas do Município de São Paulo

O presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), ministro...

Salve Zumbi e João Cândido, o mestre sala dos mares

Por Olívia Santana   Há 15 anos, após uma grande marcha...

Lei 13.019: um novo capítulo na história da democracia brasileira

Nota pública da Associação Brasileira de Organizações Não Governamentais...

Moradores das favelas sonham com casa e negócio próprios em 2020, mas sem otimismo por segurança

Estudo do Data Favela mostra que moradores desses conglomerados...

para lembrar

Direitos…?

A classe média não quer direitos, quer privilégios

Número de mulheres eleitas prefeitas no 1º turno aumenta 31,5% no país

Candidatas alcançaram posto em 663 cidades, mas apenas uma...

Em prédio novo, escola de SP não possui itens básicos para estudar.

Prédio novo também continha sobras de material de construção...

Por 55 votos a favor, Senado abre processo de impeachment e afasta Dilma

 Por 55 votos a favor e 22 contra, o...

Morre o político Luiz Alberto, sem ver o PT priorizar o combate ao racismo

Morreu na manhã desta quarta (13) o ex-deputado federal Luiz Alberto (PT-BA), 70. Ele teve um infarto. Passou mal na madrugada e chegou a ser...

Equidade só na rampa

Quando o secretário-executivo do Ministério da Justiça e Segurança Pública, Ricardo Cappelli, perguntou "quem indica o procurador-geral da República? (...) O povo, através do seu...

Em 20 anos, 1 milhão de pessoas intencionalmente mortas no Brasil

O assassinato de Mãe Bernadete, com 12 tiros no rosto, não pode ser considerado um caso isolado. O colapso da segurança pública em estados...
-+=