Mulheres negras usam tecnologia para enfrentar racismo

A campanha Vidas Negras da ONU Brasil conversou com três mulheres negras que enfrentam as desigualdades raciais usando ciência e tecnologia.

no ONU Mulheres

imagem: video vidas negras ONUmulheres

Lana de Souza trabalha numa plataforma que recebe vídeos registrando abusos de agentes do Estado. Juliana Marques, da Rede Umunna, participa de uma iniciativa criada para difundir informação quantitativa e qualitativa sobre a presença de mulheres negras em espaços de tomada de decisão. Silvana Bahia lidera um projeto cujo objetivo é estimular a entrada de mais mulheres negras nas diferentes áreas de tecnologia.

A campanha Vidas Negras da ONU Brasil conversou com três mulheres negras que enfrentam as desigualdades raciais usando ciência e tecnologia. Lana de Souza trabalha numa plataforma que recebe vídeos registrando abusos de agentes do Estado. Juliana Marques, da Rede Umunna, participa de uma iniciativa criada para difundir informação quantitativa e qualitativa sobre a presença de mulheres negras em espaços de tomada de decisão. Silvana Bahia lidera um projeto cujo objetivo é estimular a entrada de mais mulheres negras nas diferentes áreas de tecnologia.

As entrevistas foram realizadas pela Vidas Negras para marcar o Dia Internacional da Mulher Negra, Latino-americana e Caribenha, celebrado nesta semana, em 25 de julho

Campanha Vidas Negras

Estabelecida pela ONU em 2013, a Década Internacional de Afrodescendentes (2015-2024) defende esforços dos países, da sociedade civil e de outros atores relevantes para enfrentar o racismo, a discriminação e o preconceito racial, e tem como objetivo efetivar compromissos internacionais contra o racismo.

No ano passado, a ONU Brasil lançou a campanha Vidas Negras, visando ampliar junto à sociedade, gestores públicos, sistema de Justiça, setor privado e movimentos sociais, a visibilidade do problema da violência contra a juventude negra no país.

O Sistema ONU pretende com a iniciativa sensibilizar a sociedade para os impactos do racismo na restrição da cidadania de pessoas negras, influenciando atores estratégicos para a produção e apoio de ações de enfrentamento da discriminação e da violência. Saiba mais sobre a campanha: http://vidasnegras.nacoesunidas.org/.

+ sobre o tema

Brasil e EUA fracassaram em abolir escravidão, afirma Angela Davis

Brasil e Estados Unidos ainda são assombrados pelo fracasso...

Eduardo Suplicy conta história do garoto trans a quem ele deu uma chance na vida

Sem nunca ter cometido delito, Anderson Herzer estava interno...

Vereadora de Uberlândia, mulher e preta, Dandara Tonantziné eleita deputada federal

A vereadora de Uberlândia Dandara (PT) foi eleita deputada...

Após 1º turno, como o Brasil vai proteger as mulheres negras eleitas?

No último domingo de eleição, a saudade de Mari,...

para lembrar

‘Nós, negros, aprendemos o que é racismo desde pequenininhos’, diz Gloria Maria

Jornalista relembrou declaração do passado sobre crimes raciais e...

“Já quis ser mais clara”, diz jovem negra da Brasilândia vencedora do Miss Odara CCJ

Quando pensamos em concurso de miss, automaticamente nos vem...

Pai que mima filho adulto ‘castra’ potencialidades, diz psiquiatra

É comum encontrar pais que estendem os cuidados que...
spot_imgspot_img

Casa Sueli Carneiro abre as portas ao público e apresenta o III Festival Casa Sueli Carneiro, pela primeira vez em formato presencial

RETIRE SEU INGRESSO A Casa Sueli Carneiro, fundada em dezembro de 2020 e atuando em formato on-line desde abril de 2021, é uma entidade criada...

Aborto legal: falhas na rede de apoio penalizam meninas e mulheres

As desigualdades sociais no Brasil podem explicar a razão para que meninas e mulheres busquem apoio para o aborto legal também após 22 semanas...

Referência do feminismo negro, Patricia Hill Collins vem ao Brasil para conferência, curso e lançamento de livro

Referência do feminismo negro, a socióloga estadunidense Patricia Hill Collins participa, nesta quarta-feira (19), de um evento em Salvador, na Universidade do Estado da Bahia (Uneb)....
-+=