Não Estamos Bem – A saúde mental da pessoa negra

Projeto Não Estamos Bem discute como o racismo afeta o cotidiano de pessoas negras no Brasil

Enviado para o Portal Geledés pelo  projeto Não Estamos Bem

Com o objetivo de expor os danos causados à saúde mental por conta do racismo e acolher pessoas negras neuroatípicas ou não, o projeto colaborativo Não Estamos Bem surge com uma proposta transmidiática, no qual os meios fortalecem uns aos outros e complementam a mensagem que chega ao receptor que, neste caso, é a pessoa negra.

De acordo com Naira Évine, idealizadora do projeto, lidar com uma saúde mental quase inexistente, silenciada, invisibilizada e, por diversas vezes, enlouquecida, resume sua própria história. Em certo momento, quando percebeu que não estava sozinha, que tudo que passou — e ainda passa — é mais comum do que imaginava, passou a se sentir acalentada. Naira ainda acrescenta que a população negra não só morre no sentido literal, mas também vivencia a experiência de morrer e ter que sobreviver cotidianamente. Pela vontade de reverter essa invisibilização, desmistificar preconceitos, debater sobre o tema e ouvir e entender uns aos outros sem medo de que menosprezem suas dores, Naira contou com parceiras e parceiros de diversos estados que abraçaram a causa com muito amor e entrega.

Diante disso, o Não Estamos Bem pretende tornar visível a discussão sobre racismo, através da rede de desabafo, onde serão aceitos textos de pessoas negras que buscam um espaço seguro para desabafar, a produção de uma web série no Youtube e, posteriormente, um documentário sobre o mesmo tema.

No site (http://naoestamosbem.wix.com/naoestamosbem), que já está no ar, podem ser conferidos textos jornalísticos, poemas, ensaios, experiências, como também artigos, livros e materiais sobre saúde mental, racismo e o impacto do racismo na saúde mental das pessoas negras. A web série, que está em fase de pré-produção, discutirá o tema com abordagens mais especificas e com recortes de classe, gênero, sexualidade, entre outros. Por fim, o produto final será um documentário falando sobre o tema e o projeto com pessoas de diversos tipos e lugares Brasil afora.

Para saber mais, acesse:

Site do projeto: http://naoestamosbem.wix.com/naoestamosbem

Página no Facebook: https://www.facebook.com/naoestamosbem

+ sobre o tema

Inscritos no Concurso Nacional Unificado têm até hoje para pagar taxa

Dos 2,65 milhões de candidatos inscritos no Concurso Público...

Zika na saliva é insuficiente para dizer que pode haver contágio, diz ministério

O Ministério da Saúde informou no final da tarde...

A publicidade brasileira é ridícula

Ontem foi lançada uma nova peça publicitária da marca...

para lembrar

Pela Vida das Mulheres Negras, vamos todas/os/es

“A noite não adormece nos olhos das mulheres a lua...

Nas escadarias da laicidade

O Plano de Proteção à Liberdade Religiosa empacou. Outra...

A grande mídia e a falsa disputa entre liberdade vs. censura

Por Venício Lima Diante da feroz reação da grande mídia...
spot_imgspot_img

Marcelo Paixão, economista e painelista de Geledés, é entrevistado pelo Valor

Nesta segunda-feira, 10, o jornal Valor Econômico, em seu caderno especial G-20, publicou entrevista com Marcelo Paixão, economista e professor doutor da Universidade do...

Impacto do clima nas religiões de matriz africana é tema de evento de Geledés em Bonn  

Um importante debate foi instaurado no evento “Comunidades afrodescendentes: caminhos possíveis para enfrentar a crise climática”, promovido por Geledés -Instituto da Mulher Negra em...

Comissão da Saúde aprova PL de garantia de direitos à pacientes falciformes

A Comissão de Saúde da Câmara dos Deputados aprovou, na quarta-feira (5), o Projeto de Lei nº 1.301/2023, que reconhece a doença falciforme como...
-+=