Nós mesmos contamos nossa história, diz criador do 1º bloco afro do Brasil

O Ilê Aiyê é o primeiro bloco afro do Carnaval do Brasil.

Ele foi criado nos anos 70, em Salvador, por Antônio Carlos dos Santos, o Vovô do Ilê, numa época em que o acesso de pessoas negras à festa se dava apenas tocando instrumentos ou carregando alegorias.

Em entrevista à CNN Rádio, no CNN no Plural, Vovô do Ilê contou que a ideia para o bloco surgiu no bairro da Liberdade, o mais negro da cidade.

“Numa rua de vanguarda, com manifestações culturais e religiosas, onde tudo acontecia”, disse.

Mesmo diante do regime da Ditadura, a ideia saiu do papel: “Éramos chamados de racistas, mas conseguimos botar 100 pessoas no primeiro ano, e fomos aumentando.”

De acordo com o presidente do bloco, ao invés de deixar “pesquisadores gringos” documentarem a vivência da população negra, “nós mesmos contamos nossa história.”

“Usamos a música pensada por nós, trabalhada nesse resgate da autoestima do povo negro, tudo o que ouvimos de negativo mandamos de volta de forma positiva”, completou.

Vovô do Illê afirmou que vê alguns ganhos expressivos desde a criação, com o “surgimento de outros blocos afro.”

“O negro passou a se assumir não só em Salvador como no Brasil, esse trabalho desenvolvido com a música, de resistência”, analisou.

Segundo ele, o negro “precisa participar da mesa de discussão.”

Vovô do Ilê criticou o fato de Salvador, cidade mais negra fora da África, não ter um negro “em situação de destaque”.

“Precisamos fazer nossa parte também, não só botar a culpa no branco, precisamos nos libertar do ranço da escravidão mental”, completou.

+ sobre o tema

“Isso tudo foi o primeiro lugar para mim”, diz Tom Black na final do Ídolos

Na batalha musical há 15 anos, Tom Black superou...

UNFPA e PUC de Minas Gerais lançam cartilha bilíngue para ajudar imigrantes haitianos no Brasil

Documento contém orientações em português e créole  sobre direitos...

O homem que aos 6 anos era um soldado-criança e hoje é um dos australianos do ano

Uma criança australiana aos seis anos de idade está...

Guayaquil tendrá primer Obispo afroecuatoriano

Fonte: El Universo -   El sacerdote ecuatoriano...

para lembrar

Uruguai investiga UTIs após morte de 16 idosos por enfermeiros

Autoridades sanitárias do Uruguai iniciaram uma investigação sobre as...

Gigante imobiliária, PDG mira Norte e Nordeste

Por: CAMILA FUSCO     Líder em vendas...

Conheça a história do sobrevivente do último navio negreiro dos EUA

Cudjo Lewis morreu há 83 anos, mas sua história...
spot_imgspot_img

iAMO lança seu programa de residência artística audiovisual durante Festival de Cannes

O Instituto Audiovisual Mulheres de Odun (iAMO), presidido pela cineasta Viviane Ferreira, anuncia na sexta-feira, 17 de maio, o lançamento do seu Programa de...

Spcine marca presença no Festival de Cinema de Cannes 2024 com ações especiais

A Spcine participa Marché du Film, evento de mercado do Festival de Cinema de Cannes  2024 e um dos mais renomados e influentes da...

Álbum de Lauryn Hill é considerado melhor da história em lista da Apple Music; veja ranking

Uma lista publicada pela Apple Music elegeu os 100 melhores álbuns de todos os tempos. Em primeiro lugar, a escolha foi para 'The Miseducation...
-+=