Nota da Seppir em relação ao texto, veiculada pela Afropress

Em relação à matéria “Conselho da Igualdade Racial entra em colisão com Luiza”, veiculada pela Afropress, em 30 de setembro de 2012, com declarações de fontes não identificadas sobre a renovação das representações da sociedade civil no Conselho Nacional de Promoção da Igualdade Racial (CNPIR), a Seppir tem a informar:

(i) a proposta da Seppir para a escolha das referidas representações (biênio 2012-2014) busca respeitar os princípios da transparência, do pluralismo e da democracia. A minuta do edital que regulamentará o processo foi apresentada ao CNPIR para o acolhimento de contribuições;

(ii) a partir de um amplo debate, as sugestões dos(as) conselheiros(as) foram acatadas para análise e incorporação na versão final do documento;

(iii) a proposta de edital apresentada pela Seppir coaduna-se, portanto, com o princípio constitucional de ampliação da participação social, trazendo alguns avanços importantes:

– escolha dos representantes mediante eleição por um conjunto de entidades da própria sociedade civil, devidamente habilitadas para este processo;

– ampliação do escopo de representações, incorporando novos segmentos na busca de maior diversidade para a representação e adoção de mecanismos que garantam a participação de diferentes entidades, a exemplo de outros conselhos existentes;

(iv) em nenhum momento, a Seppir buscou cercear o posicionamento dos conselheiros, sendo assim inverídicas as versões que atribuem à Secretaria qualquer tentativa de violação do direito ao livre pensar, ou de obrigatoriedade de concordância com as diretrizes políticas da atual gestão;

(v) a Seppir entende que a diversidade de opiniões e a pluralidade de olhares devem estar na base de qualquer processo democrático, sendo esta a perspectiva que norteia a atuação do órgão no debate sobre a renovação do CNPIR.
Brasília, 03 outubro de 2012

Assessoria de Comunicação

+ sobre o tema

Da proteção à criação: os pós-docs negros da USP nas fronteiras da inovação

Desenvolvimento de produtos, novas tecnologias para a geração de...

Programa Erasmus oferece bolsas integrais na Europa

O Erasmus, programa promovido pela União Europeia para fomento a...

Projeto SETA tem novo financiador e amplia trabalho aprofundando olhar interseccional

O Projeto SETA (Sistema de Educação por uma Transformação Antirracista),...

para lembrar

Capes desenvolve projeto para estudantes da região amazônica

A Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior...

Jovens negros: trajetórias escolares, desigualdades e racismo

PASSOS, Joana Célia dos. - UFSC e NEN -...

‘Me sinto um lixo, invisibilizada’, diz estudante que denuncia fraude em cotas na Ufba

“Eu me sinto um lixo, invisibilizada, negligenciada.” As palavras...

Adiada para dezembro decisão sobre uso de obra de Monteiro Lobato

A Câmara de Educação Básica decidiu adiar para a...
spot_imgspot_img

Provas do Enem 2024 serão em 3 e 10 de novembro; confira o cronograma

O cronograma do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2024 foi divulgado nesta segunda-feira (13). As provas serão aplicadas nos dias 3 e 10...

Da proteção à criação: os pós-docs negros da USP nas fronteiras da inovação

Desenvolvimento de produtos, novas tecnologias para a geração de energia, manejo ecologicamente correto na agricultura e prevenção à violência entre jovens nativos digitais. Essas...

Inscrições para ingresso de pessoas acima de 60 anos na UnB segue até 15 de maio; saiba como participar

Estão abertas as inscrições do Processo Seletivo para Pessoas Idosas que desejam ingressar nos cursos de graduação da Universidade de Brasília (UnB) no período...
-+=