Paraíba é citada em relatório da ONU

 

 

A Paraíba é citada em um relatório da Organização das Nações Unidas (ONU) sobre execuções sumárias no Brasil com o envolvimento de policiais, políticos e autoridades do alto escalão e, ainda, sobre a impunidade desses crimes. “Milícias e esquadrões da morte continuam a operar com a participação de membros da polícia e, por vezes, com relações com oficiais de alto escalão e políticos”, diz um trecho do relatório da ONU.

 

O documento foi divulgado na última terça-feira (1º), e faz menção direta duas vezes ao caso do advogado e vice-presidente do PT pernambucano Manoel Mattos, executado com dois tiros, no município paraibano de Pitimbu, em 24 de janeiro de 2009, por grupos de extermínio que atuam entre a Paraíba e Pernambuco, na chamada “divisa do medo” ou “Terra sem Lei”.

 

No documento, o relator especial da ONU sobre Execuções Sumárias, Arbitrárias ou Extrajudiciais, Philip Alston – que esteve em missão especial no Brasil, em 2007 – critica o fato de que um ano e meio depois do assassinato, o pedido de federalização do crime continua sem ser julgado pelo Superior Tribunal de Justiça (STJ).

 

 

Fonte: Jornal Correio

 

 

+ sobre o tema

Boteco da Diversidade retorna à Comedoria do Sesc Pompeia e traz como tema a Afrodiáspora

No próximo sábado, dia 30 de abril, às 20h30, acontece...

1967: Miséria da população negra causa conflitos nos EUA

No dia 13 de julho de 1967, começavam os...

Um possível chapa, Emicida lança clipe com mulheres que tiveram filhos mortos por PMs

Leandro Roque de Oliveira, o rapper Emicida, lançou nesta...

Calendário da Copa

CALENDARIO DA COPA NA ÁFRICA ...

para lembrar

Projeto Identidade levanta a questão da representatividade do negro na cultura pop

Você já ouviu falar aqui na Zupi sobre o Projeto...

Presidente da República do Congo saiu ileso de atentado, diz ministro

Grupo armado entrou na residência do governante neste domingo   O...

A mulher negra

por MARIA NILZA DA SILVA*       A situação da mulher negra...
spot_imgspot_img

Violência contra territórios negros é tema de seminário com movimentos sociais em Salvador

Diante da escalada de violência que atinge comunidades negras e empobrecidas da capital e no interior da Bahia, movimentos sociais, entidades e territórios populares...

Grávida, Iza conta que pretende ter filha via parto normal: ‘Vai acontecer na hora dela’

Iza tem experienciado e aproveitado todas as emoções como mamãe de primeira viagem. No segundo trimestre da gestação de Nala, fruto da relação com Yuri Lima, a...

Flávia Souza, titular do Fórum de Mulheres do Hip Hop, estreia na direção de espetáculo infantil antirracista 

Após mais de vinte anos de carreira, com diversos prêmios e monções no teatro, dança e música, a multiartista e ativista cultural, Flávia Souza estreia na...
-+=