Guest Post »

Pastor é preso suspeito de estuprar menino de 12 anos com deficiência atrás da igreja

Segundo a Polícia Civil, crime aconteceu atrás de igreja em Minaçu, Goiás.
Suspeito teria ameaçado criança de morte se ela relatasse o caso a alguém.

Um pastor de uma igreja evangélica de Itauçu, a 64 quilômetros de Goiânia, foi preso suspeito de estuprar um menino de 12 anos. Segundo a Polícia Civil, a vítima é portadora de deficiência intelectual e convivia com o pastor, pois eram vizinhos. De acordo com o delegado Humberto Menezes Neto, o crime aconteceu atrás da igreja no dia 8 deste mês.

“Estava no período noturno, chovendo, e o pastor falou que queria conversar com o menino. Levou ele para trás da igreja e o abusou ali. Ele tampou a boca da criança e o ameaçou de morte caso contasse o que aconteceu para alguém”, afirma o delegado.

Apesar das ameaças, o menino relatou o acontecido à mãe. Segundo a polícia, esta teria sido a primeira vez que o pastor abusava a criança e não houve penetração.

A prisão aconteceu na terça-feira (25). Em depoimento à polícia, o suspeito, de 48 anos, negou que tivesse cometido o crime. De acordo com o delegado, o caso surpreendeu os moradores da cidade. “No momento da prisão, muita gente acompanhou, ficou todo mundo assustado”, diz Humberto.

O suspeito foi indiciado por estupro de vulnerável e, se condenado, pode cumprir pena de pelo menos oito anos de prisão. Ele aguarda julgamento preso na cadeia pública de Itauçu.

 

 

Fonte: G1

Related posts