Piovani detona Kadu Moliterno: ‘Bateu e continua posando com namoradas no Caribe

Luana Piovani detona Kadu Moliterno: ‘Bateu e continua posando com namoradas no Caribe’ Foto: Montagem

Em fala sobre a violência contra a mulher e o machismo, Luana Piovani detonou Kadu Moliterno ao relembrar que o ator virou manchete há dez anos quando foi acusado de agressão pela ex-mulher e mãe de seus filhos, Ingrid Saldanha. Em 2014, sua ex-namorada, a atriz e modelo Brisa Ramos também foi a público denunciar que foi vítima do ator. Ele se disse chantageado.

Do Extra 

“Kadu Moliterno, que já foi meu par, bateu na esposa, ela foi capa da revista “Veja” com a manchete: “Não foi a primeira vez” e não soube de condenação. Continua trabalhando, fazendo novelas, posando com as novas namoradas para as revistas de celebridades”, criticou Piovani em seu canal no Youtube.

O assunto surgiu depois de Luana comentar a denúncia da figurinista Susllem Meneguzzi Tonani, que acusou o ator José Mayer de assédio sexual dentro da Globo.

“Não é o primeiro assédio e com certeza não será o último. O que acho genial é que ela rompeu o silêncio, falou. O que mais existe é assédio em ambiente de trabalho, em ambiente de subalterno”, constatou Luana, que usou um tom ponderado ao comentar a atitude de Mayer. Às vezes agente elege um judas para bater em praça pública. Por que estou falando isso? Porque as pessoas que cometem erros, assim como eu, aprendem”.

Dado e Luana em foto de 2008, quando eram namorados Foto: Terceiro / Cristina Granato/Arquivo

Luana citou ainda Garrincha e Dado Dolabella para opinar que a própria sociedade compactua com esta realidade. ” Garrincha enchia a Elza Soares de porrada e é lembrado como herói no Brasil… Dado Dolabella ganhou R$ 2 milhões num reality 6 meses depois de bater na minha cara em votação popular”.

 

+ sobre o tema

Nós queremos é falar sobre poder!

“No momento em que o excluído assume a própria...

Longa-metragem documental junta história e arte de mulheres negras gaúchas no cinema

A fotógrafa autodidata Irene Santos pretende evidenciar o trabalho de...

Querem-nos fortes?

Um ‘’amigo’’ insiste em me chamar de ‘’cara’’. Isso...

Como é ser um gay negro que só saiu com brancos

Enquanto eu rapidamente me aproximo do meu 25° aniversário,...

para lembrar

UBM: “16 dias de ativismo pelo fim da violência contra a mulher”

Prepare-se! Vem aí 16 Dias de Ativismo pelo Fim...

As virtudes do sexo sem berro

Um poeta português disse que as cartas de amor...
spot_imgspot_img

IBGE: mulheres assalariadas recebem 17% menos que os homens

Dados divulgados nesta quinta-feira (20/06) pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) revelam que a disparidade salarial entre os gêneros no Brasil se mantém em...

Casa Sueli Carneiro abre as portas ao público e apresenta o III Festival Casa Sueli Carneiro, pela primeira vez em formato presencial

RETIRE SEU INGRESSO A Casa Sueli Carneiro, fundada em dezembro de 2020 e atuando em formato on-line desde abril de 2021, é uma entidade criada...

Aborto legal: falhas na rede de apoio penalizam meninas e mulheres

As desigualdades sociais no Brasil podem explicar a razão para que meninas e mulheres busquem apoio para o aborto legal também após 22 semanas...
-+=