RACISMO: Jovem negro é detido por se sentar em área pública; veja o vídeo

Caso aconteceu no início do ano, mas vídeo foi divulgado no final do mês passado

Chris Lollie, um norte-americano negro, sentou-se em um banco próximo à escola onde seus filhos estudavam, na cidade americana de St. Paul, nos Estados Unidos, esperando as crianças serem liberadas, quando foi orientado por um policial para que se retirasse do lugar.

O rapaz questionou o agente de polícia a respeito do motivo pelo pedido, e acabou sendo preso. “O motivo é porque eu sou negro e estava sentado num banco sem ninguém por perto, sozinho. Eu estava só e sem causar nenhum problema”, disse. O outro policial ainda utilizou uma arma de choque para imobilizar Chris.

Chris foi preso por invasão de privacidade, conduta inapropriada e obstrução do processo legal, segundo a polícia, mas essas acusações foram retiradas. O caso aconteceu no dia 31 de janeiro e o vídeo divulgado no dia 26 de agosto.

Fonte: Varela Notícias

+ sobre o tema

Estado Brasileiro implementa políticas raciais há muito tempo

Neste momento, está em tramitação no Senado Federal o...

Nossas crianças não sabem que são negras

Aline Guimarães para as Blogueiras Negras Me uso como...

Opinião: “Com redução de maioridade penal, o Brasil ignora compromissos internacionais”

“Com redução de maioridade penal, o Brasil ignora compromissos...

para lembrar

STJD exclui Grêmio da Copa do Brasil por ofensas racistas a goleiro Aranha

Pedro Ivo Almeida Em sessão da 3ª Comissão Disciplinar, STJD...

O lado sujo da Ciência e a consolidação do Racismo Científico

A animalização do diferente foi uma prática bastante comum...

135 anos de desrespeito à liberdade

O mérito de proibir a escravização e libertar as...

A certeza da impunidade: Danilo Gentili oferece ‘bananas’ a internauta negro pelo Twitter

Por: Juliana Gonçalves O redator Thiago Ribeiro, 29 anos,...
spot_imgspot_img

Senado aprova prorrogação e ampliação da política de cotas para concursos públicos

O Senado aprovou, nesta quarta-feira (22), o projeto de lei (PL) 1.958/2021, que prorroga por dez anos a política de cotas afirmativas para concursos...

Morte de senegalês após ação da PM em SP completa um mês com investigação lenta e falta de acesso a câmeras corporais

Um mês após a morte do senegalês Serigne Mourtalla Mbaye, conhecido como Talla, que caiu do 6º andar após ação policial no prédio em que morava...

Maurício Pestana: escola de negros e o Terceiro Vagão

Em vários artigos já escritos por mim aqui, tenho apontado como o racismo no Brasil utiliza a via da questão econômica e educacional para...
-+=