Guest Post »

São Paulo cria controle de qualidade para boletins de ocorrência

A SSP (Secretaria da Segurança Pública) publicou no sábado (24) a regulamentação do serviço de controle de qualidade dos boletins de ocorrência do Estado de São Paulo, realizado pela Coordenadoria de Análise e Planejamento da pasta, setor responsável pelas estatísticas de criminalidade.

Por Márcio Apolinário Do Ondda

De acordo com a SSP, a medida busca aprimorar a análise de indicadores de criminalidade divulgados mensalmente, em especial os que resultam em morte.

“A gente sempre fez esse controle, mas, agora, estamos estabelecendo prazos para que as dúvidas que nós temos sobre a classificação dos crimes sejam sanadas”, explicou o secretário da Segurança Pública, Mágino Alves Barbosa Filho, durante a divulgação dos dados de criminalidade de agosto.

De acordo com a nova resolução, o controle de qualidade verificará a conformidade entre a natureza (tipo de crime) e o histórico da ocorrência; a identificação das pessoas envolvidas; o preenchimento de informações nos campos adequados do sistema de Registro Digital de Ocorrências (RDO, utilizado pela Polícia Civil para a elaboração de boletins); o preenchimento de dados suficientes para a qualidade da informação contida no documento.

O controle de qualidade terá foco especial nos casos que resultam em morte, como homicídios dolosos, latrocínios, lesões corporais seguidas de morte, além de mortes suspeitas e decorrentes de oposição à intervenção policial. Contudo poderá ser estendida aos demais crimes, inclusive aos que impactam no programa que paga bonificações por resultados a policiais.

Related posts