Senado recua e cancela oficina de culinária em ‘homenagem’ ao Dia da Mulher

Após repercussão negativa, o Senado Federal recuou e cancelou a oficina de culinária, que ofereceria aos servidores em homenagem ao Dia da Mulher. Essa semana, o Brasil Post mostrou que a homenagem irritou algumas servidoras, que a consideraram machista.

Por , do Brasil Post 

Funcionárias da Casa fizeram uma mobilização para entregar uma carta à diretoria-geral, sugerindo a alteração na programação. A discussão sobre a agenda com as servidoras estava marcada para amanhã, mas a oficina, intitulada Pão da Paz Interior, foi cancelada na noite de quarta-feira.

De acordo com uma funcionária da Casa, o problema não era colocar as pessoas na cozinha, mas o direcionamento dado ao público feminino. “Achei que no fundo tiveram boa intenção, mas faltou bom senso para identificar práticas machistas e papéis sociais. Ficou claro que estão tão acostumados com o papel mulher-cozinha que não perceberam a sutileza“, disse.

o-OFICINA-SENADO-570

Na página de apresentação da oficina, o Senado dizia ainda que “durante o processo de produção, haverá uma analogia sobre a importância do trabalho em equipe e a necessidade de manter o equilíbrio emocional para o bom desenvolvimento das relações interpessoais”. Para a funcionária, essa descrição foi o que mais irritou, por considerar que as mulheres precisam acalmar os ânimos.

Antes de cancelar a oficina, o Senado informou que desenvolve ao longo de todo ano atividades voltadas aos servidores sem distinção de gênero. Argumentou ainda que a oficina de preparação de pães e aberta a homens e mulheres e que os treinamentos gastronômicos são os mais procurados.

A Casa também acrescentou que homenageará as 30 servidoras com maior tempo de serviço e veiculará uma série de matérias destacando o papel feminino em postos importantes de comando da instituição.

+ sobre o tema

Por que somos campeões em cesarianas?

Brasil ultrapassa em larga escala a quantidade de cesarianas...

Moçambique: Competência de nova Governadora posta em causa por machismo

Recentemente em Moçambique teve lugar atomada de posse do...

Ayéola Moore e a mulher negra que move o mundo

De acordo com dados do Dossiê Mulheres Negras: retrato...

Mães empreendedoras geram filhas empreendedoras

As mulheres estão inseridas no mundo do próprio negócio...

para lembrar

A soprano negra que desafiou as regras sobre quem podia cantar ópera no século 19

Americana e ex-escrava, Elizabeth Greenfield abriu caminho para várias...

Winnie Mandela

Nascida Nomzamo Winifred Zanyiwe Madikizela, ficou mundialmente conhecida como esposa...

A dificuldade que é escrever sobre feminismo na internet. Por Nathalí Macedo

Escrever na internet não é tão fácil quanto, à...
spot_imgspot_img

Casa Sueli Carneiro abre as portas ao público e apresenta o III Festival Casa Sueli Carneiro, pela primeira vez em formato presencial

RETIRE SEU INGRESSO A Casa Sueli Carneiro, fundada em dezembro de 2020 e atuando em formato on-line desde abril de 2021, é uma entidade criada...

Aborto legal: falhas na rede de apoio penalizam meninas e mulheres

As desigualdades sociais no Brasil podem explicar a razão para que meninas e mulheres busquem apoio para o aborto legal também após 22 semanas...

Referência do feminismo negro, Patricia Hill Collins vem ao Brasil para conferência, curso e lançamento de livro

Referência do feminismo negro, a socióloga estadunidense Patricia Hill Collins participa, nesta quarta-feira (19), de um evento em Salvador, na Universidade do Estado da Bahia (Uneb)....
-+=