Serra não pode estar na garupa de FHC porque é até covardia, afirma Dilma

LUIZA BANDEIRA

A candidata do PT à Presidência, Dilma Rousseff, rebateu nesta quinta-feira (12) as críticas de seu adversário José Serra (PSDB) de que um presidente não pode governar “na garupa”.

Serra fez as declarações em entrevista dada ontem ao “Jornal Nacional”, fazendo alusão à dependência de Dilma em relação ao presidente Lula. “O próximo presidente vai ter de governar e não pode ir na garupa”, disse Serra, na Rede Globo.

Em resposta, Dilma afirmou que Serra tem “medo” de comparar os desempenhos de Fernando Henrique Cardoso e Lula.

“O meu adversário tem um medo enorme da comparação entre o governo dele, que é o do FHC, e do meu, que é do presidente Lula. Ele não pode estar na garupa do presidente FHC, porque aí é até uma covardia.”

Dilma afirmou ainda que “tem orgulho” do presidente Lula e o considera um presidente “muito forte, que mudou o Brasil”.

A candidata deu as declarações em entrevista coletiva na Fiesc (Federação das Indústrias de Santa Catarina), em Florianópolis, onde cumpre agenda hoje. Dilma participou de um evento com empresários na federação. À tarde, caminha pelo centro e, à noite, participa de um comício.

Fonte: Folha

+ sobre o tema

Vox Populi: Dilma tem 45%, Serra tem 29% e Marina, 8%

A candidata petista à Presidência da República, Dilma Rousseff,...

Fracassos vitoriosos

Todo fracasso é doloroso. Fracassar põe em marcha o...

Morre o escritor uruguaio Eduardo Galeano

Considerado um dos maiores autores da literatura latino-americana, escritor...

Um lembrete: no Brasil, nenhuma religião se encontra acima da lei

Por: FÁTIMA OLIVEIRA Ser escrevinhadora de O TEMPO é gratificante...

para lembrar

Indígenas são eleitos no Norte, Nordeste, Sudeste e Centro-Oeste

Várias etnias ganham representação nas Câmaras e até em...

Por que Ocupe Wall Street não é o Tea Party da esquerda

Há uma diferença entre um protesto emocional e um...

Goiais: Inaugurado Centro de Referência da Mulher em Santa Helena

Fonte: Goiais Agora- Santa Helena de Goiás passa a contar...

Direitos sociais: desmoralizante retrocesso brasileiro

Os direitos sociais são direitos fundamentais da pessoa humana,...

Morre o político Luiz Alberto, sem ver o PT priorizar o combate ao racismo

Morreu na manhã desta quarta (13) o ex-deputado federal Luiz Alberto (PT-BA), 70. Ele teve um infarto. Passou mal na madrugada e chegou a ser...

Equidade só na rampa

Quando o secretário-executivo do Ministério da Justiça e Segurança Pública, Ricardo Cappelli, perguntou "quem indica o procurador-geral da República? (...) O povo, através do seu...

Em 20 anos, 1 milhão de pessoas intencionalmente mortas no Brasil

O assassinato de Mãe Bernadete, com 12 tiros no rosto, não pode ser considerado um caso isolado. O colapso da segurança pública em estados...
-+=