quinta-feira, agosto 6, 2020

    Tag: bananas

    blank

    Gaultier e modelo com saia de bananas: Outro debate sobre racismo

    Virou polêmica nas redes sociais o registro do estilista Jean Paul Gaultier, que foi homenageado, nesse domingo (16/10), com uma festa em Santa Teresa, ao lado da modelo e atriz Maíra, que interpretou, numa dança, vestida com uma saia de bananas e com os seios nus, Josephine Baker. Por Marcia Bahia Do Lu Lacerda cobrimos o seios da modelo porque alguns usuários se sentiram incomodados com a nudez e não com as bananas Não foram poucos os que viram racismo na imagem, o que deixou a produtora da noite, Malu Barreto, perplexa. “Minha intenção foi fazer uma conexão com a identidade do perfume e, a pedido de Gaultier, com a cidade do Rio. Busquei associar a festa ao filme “Querelle” e ao cais do porto carioca, e então, surgiu a ideia de homenagear Josephine Baker, que veio de transatlântico para a cidade em 1929 e, por aqui, fez uma de suas ...

    Leia mais
    blank

    As desculpas do humorista do “Pânico” e as bananas de Gentili. Por Kiko Nogueira

    O “Pânico” e o comediante Eduardo Sterblitch tomaram a decisão ajuizada de tirar do ar o quadro do “Africano” depois que a palhaçada foi alvo de uma denúncia encaminhada à Secretaria de Políticas de Promoção da Igualdade Racial (Seppir) da Presidência da República. Por Kiko Nogueira Do DCM Além dos protestos de brasileiros, o personagem já havia sido destrinchado num site do Senegal, Seneweb. A autora da postagem pergunta: “Brésil un Pays Raciste?” (a resposta óbvia é “mais oui!”) Sterblitch escreveu em sua defesa: “Não sou racista! E também estou chorando… A quem deixei triste ou pior, peço desculpas por minha IGNORÂNCIA! Que, pelo menos, eu sirva de exemplo! Para que isso não aconteça mais.” Assisti a coisa. Pintado de preto, o tipo “recebe entidades”, faz grunhidos — enfim, é difícil imaginar que alguém consiga rir daquilo, não apenas por ser absurdamente ofensivo. Não há razão para crer que Sterblitch esteja ...

    Leia mais
    RODA DE CONVERSA | "Sobre Bananas, Universidades e Hashtags: Militância Digital e Combate ao Racismo"

    RODA DE CONVERSA | “Sobre Bananas, Universidades e Hashtags: Militância Digital e Combate ao Racismo”

    Em Breve Sexta 14.11.2014 desde 12:00 até 15:00 Brazil, Campinas 40 participantes (56% / 44%) A roda de conversa sobre cyberativismo e racismo tem como objetivo discutir a relação dos meios de comunicação não oficiais disponíveis na internet (como sites, blogs, páginas, e até mesmo o facebook) com a luta antirracista que vem sendo travada há anos pelos movimentos negros, que podem hoje contar com esses espaços na intensificação dessa luta. Com o advento da tecnologia e a democratização do acesso à internet, os meios digitais têm se configurado como importantes espaços de denúncia, empoderamento e disputa ideológica contra o racismo e as mais variadas formas de opressão, exemplos disso foram os diversos casos que pudemos acompanhar durante o ano, como o do jogador Daniel Alves, que teve uma banana arremessada em sua direção por um torcedor espanhol, acarretando na desastrosa campanha "Somos todos macacos"; ou mesmo o caso da ...

    Leia mais
    blank

    Fifa pede explicação após racismo de dirigente italiano

    Genebra - O futebol italiano se vê mais uma vez no centro de uma polêmica racista. O dirigente considerado como favorito para vencer as eleições para comandar a Federação Italiana de Futebol, Carlo Tavecchio, declarou na última sexta-feira que certos jogadores africanos tem saído de um estado de "comer bananas para jogar no Lazio", num esforço para alertar que qualquer um tem sido contratado pelos clubes italianos. Agora, a Fifa e mesmo políticos europeus querem uma investigação sobre seu discurso e punições severas. Tavecchio é o atual vice-presidente da Federação Italiana e grande favorito para vencer as eleições da entidade no dia 11 de agosto. A eleição foi convocada depois que a cúpula da entidade pediu demissão após a humilhante eliminação da Itália na primeira fase da Copa do Mundo. Mas, agora, o presidente do Grupo de Trabalho da Fifa contra o Racismo, Jeffrey Webb, quer uma investigação sobre o ...

    Leia mais
    resende00107032013202643

    Sobre leite, achocolatado, bananas e vitamina por Marcos Rezende

    Antes de eu saber que era meramente comercial, eu até achei interessante e topei a Campanha #somostodosmacacos, #somostodosiguais, #racismonão. Pensei também que teria repercussão instantânea e fim rápido, tipo aquelas típicas campanhas de agência de propaganda e marqueteiro, do tipo que pega no ar e se dissolve rapidamente, como achocolatado e leite. Todo este debate aconteceu apenas algumas horas depois da atitude irreverente e bem resolvida de Daniel Alves, e a posteriori do post de Neymar. Tive o cuidado de perceber toda a polêmica que se estabeleceu dentro e fora de todos os espaços da sociedade, fazendo com que, até mesmo a presidenta Dilma, através do seu facebook oficial se manifestasse sobre o racismo. No movimento negro tensões diversas e posicionamentos antagônicos ecoaram, boa parte deles de aversão a postura de Neymar, afinal de contas quem é negro sabe o histórico de veiculação da banana ao racismo, contextualizando assim, para ...

    Leia mais

    Últimas Postagens

    Artigos mais vistos (7dias)

    Instagram

    Twitter

    Facebook

    Welcome Back!

    Login to your account below

    Create New Account!

    Fill the forms bellow to register

    Retrieve your password

    Please enter your username or email address to reset your password.

    Add New Playlist