sexta-feira, março 5, 2021

Tag: Mart’nália

Pedro Teixeira / Agência O Globo

Destaque brasileiro no Grammy latino, Mart’nália leva prêmio por melhor álbum de samba

A cantora de 53 anos é celebrada por um resgate das raízes do gênero Do GQ Pedro Teixeira / Agência O Globo 'Mart'nalia canta Vinícius de Moraes', do selo Biscoito Fino, se sagra na noite desta quinta-feira (14) o melhor álbum de samba/pagode de 2019 no Grammy latino. Lançado em março deste ano, o 12° disco da intérprete, natural do Rio de Janeiro, celebra a obra do conterrâneo poeta e compositor Vinícius de Moraes, e conta com produção de Arthur Maia e composições de Celso Fonseca. Mart'nália se une a outros nomes brasileiros de peso competindo por um lugar ao sol no Grammy. Entre eles estão a dupla Anavitória, Pitty, Luan Santana, As Bahias e a Cozinha Mineira, Liniker e Os Caramelows, Mahmundi, Marília Mendonça e Ana Cañas. Ouça o disco abaixo:

Leia mais
(foto: Eny Miranda/Divulgação)

Mart’nália lança 12º CD, totalmente dedicado à obra de Vinicius de Moraes

Ela é uma intérprete sensível de Vinicius e dos seus parceiros nas músicas registradas nesse projeto Por Irlam Rocha Lima, do Correio Braziliense  (foto: Eny Miranda/Divulgação) Mart’nália acaba de lançar o seu 12º CD, totalmente dedicado à obra de Vinicius de Moraes. Mas a relação da cantora com o legado do Poetinha é antiga. Ela lembra que na infância ouvia o pai, Martinho da Vila, assobiando o clássico Insensatez, de madrugada; e a mãe, Anália, quando ficava zangada, mandar ela e os irmãos pra Tonga da Mironga do Kabuletê. Já em carreira artística, a cantora gravou os sambas Sei lá, para o documentário Vinicius, de Miguel Faria Jr.; e Pra que chorar, incluída na trilha sonora da novela Babilônia, de Gilberto Braga. Há seis anos, ao participar do festival Black 2Black, no Rio de Janeiro, fez um show só com músicas do homenageado de agora. Mais ...

Leia mais
Foto: Adriana Medeiros

Pesquisadora relaciona cantoras de samba a lutas do movimento de mulheres negras

A luta atual das mulheres negras contra o racismo e o sexismo deve levar em conta o que foi conquistado ao longo do tempo por outras mulheres negras ativistas, defendeu hoje (25) a coordenadora da organização não governamental (ONG) Criola, médica e doutora em Comunicação e Cultura, Jurema Werneck. Chamadas de ialodês, essas mulheres, segundo Jurema, sempre existiram e transcendem o chamado feminismo negro – protagonizado por mulheres negras. "Hoje está difícil, mas não se compara", disse, ressaltando que chegou ao doutorado, mas a avó dela era analfabeta e a mãe estudou apenas até o ensino fundamental. Segundo Jurema, a luta de mulheres negras sempre existiu e as demandas foram se transformando. Nos anos 1930, 1940 e 1950, as lutas eram por educação, creches, demandas do Estado. A geração posterior, a dela, deu continuidade a essas reivindicações e conquistou leis que garantiram a igualdade de direitos. Agora, na avaliação da coordenadora, é ...

Leia mais
Mart’nália

Mart’nália

Mart’nalia por Martinho Fabricação Própria Mart’nália é invenção minha. É uma mistura de Martinho, eu, com Anália sua mãe que já viajou para um lugar melhor, creio. "Molambo" de Ao Vivo por Djavan/Mart'nalia. Lançado: 2005. Faixa 7. Gênero: Latin. Tinália, a Tina, a Martina, a Carvu, parece ser despojada, mas é valiosa; dá a impressão de ser uma pessoa desligada, mas está sintonizada em tudo que acontece, principalmente no mundo da música e como todos os grandes artistas, é sonhadora. A “Sonora Mart’nália”, como algumas pessoas se referem a ela, é musicista, cantora e compositora e está entre as artistas mais completas que eu conheço. Que cantora!… O seu canto é doce, negro, suingado e o seu timbre é especial. Tem corpo de dança para qualquer ritmo e gosta de dançar,toca violão e é percussionista de quase todos os instrumentos de ritmo. Compositora popular, é minha parceira e ...

Leia mais
(Foto: Flavio Moraes/G1)

Mart’nália

Martnália Mendonça Ferreira, conhecida como Mart'nália (Rio de janeiro, 7 de setembro de 1965) é uma cantora, compositora e percussionista brasileira. (Foto: Flavio Moraes/G1) Fabricação Própria Mart'nália é invenção minha. É uma mistura de Martinho, eu, com Anália sua mãe que já viajou para um lugar melhor, creio. Tinália, a Tina, a Martina, a Carvu, parece ser despojada, mas é valiosa; dá a impressão de ser uma pessoa desligada, mas está sintonizada em tudo que acontece, principalmente no mundo da música e como todos os grandes artistas, é sonhadora. A "Sonora Mart'nália", como algumas pessoas se referem a ela, é musicista, cantora e compositora e está entre as artistas mais completas que eu conheço.   Tem 04 discos gravados e 01 DVD: MART'NÁLIA, LP outubro/1987; MINHA CARA, CD setembro/1997; PÉDO MEU SAMBA, CD abril/2002; MART'NÁLIA AO VIVO, CD novembro/2004; MART'NÁLIA AO VIVO, DVD janeiro/2005. Estes três ...

Leia mais

Welcome Back!

Login to your account below

Create New Account!

Fill the forms bellow to register

Retrieve your password

Please enter your username or email address to reset your password.

Add New Playlist