Guest Post »

Tenente gay é absolvido da acusação de deserção na Bahia

A Justiça Militar decidiu absolver o tenente da Polícia Militar da Bahia Ícaro Ceita do Nascimento, homossexual assumido, da acusação de deserção. Ele diz que está afastado da polícia em razão de “danos psicológicos”, segundo avaliação médica, causados por “perseguição homofóbica” na corporação.

Por: MATHEUS MAGENTA

Para ele, a vitória não foi só pessoal, “mas do movimento GLBT [gays, lésbicas, bissexuais e transgêneros] e da democracia brasileira”. Segundo o Grupo Gay da Bahia, foi a primeira vitória na Justiça Militar brasileira de um homossexual assumido.

De acordo com a Polícia Militar, o processo de exoneração foi iniciado em 2008, porque o atestado médico obtido pelo tenente não foi homologado pela corporação -daí o entendimento de que o policial havia desertado.

O capitão Marcelo Pitta, chefe da unidade de imprensa da PM da Bahia, não quis comentar -apenas disse que a corporação vai respeitar a decisão da Justiça. “Não há nenhuma perseguição ao tenente pelo fato de que ele assumiu a homossexualidade.”

 

 

Fonte: Folha de S.Paulo

Related posts