Torcedores espanhóis se revoltam com derrota da Fúria e usam expressão racista para ofender os brasileiros

Depois de a Seleção Brasileira arrasar a Espanha na final da Copa das Confederações, nesse domingo, no Maracanã, por 3 a 0, vários espanhóis foram ao Twitter para ofender o Brasil. Por meio da expressão racista ‘macacos’ (monos em espanhol), os torcedores demonstraram sua amargura com a goleada sofrida pela Fúria. As frases polêmicas dos agressores foram rebatidas e reprovadas por outras pessoas.

Os jogos na Europa costumam ser marcados por episódios de racismo. Jogadores brasileiros e africanos, por exemplo, já foram hostilizados em partidas no Velho Mundo. Os laterais titulares da Seleção Brasileira, Daniel Alves (Barcelona) e Marcelo (Real Madrid), já foram insultados em jogos de suas equipes na Espanha. O atacante Hulk (Zenit) também foi ofendido na Rússia.

Curiosamente, uma preocupação da Fifa durante a Copa das Confederações foi insistir na ‘bandeira’ contra o racismo. Os jogadores, via faixas e discurso dos capitães nos estádios, pediram o fim do preconceito no futebol. A campanha contra o racismo é levantada há muito tempo pela entidade.

O problema é tão grave que chegou a interromper um amistoso do Milan, em janeiro deste ano, na Itália. O atacante Boateng, de origem ganesa, foi hostilizado e o time rossonero deixou o gramado. Depois de alguns meses, seis agressores foram identificados e tiveram que cumprir pena de 40 dias a dois meses, além de pagar multa de 10 mil euros. O time do Pro Patria foi punido e teve que mandar jogos sem a presença da torcida.

 

 

Fonte: Superesportes

+ sobre o tema

Independiente cria cartilha para que torcedores não cometam racismo no Brasil

Santistas registraram manifestações do tipo no jogo realizado na...

PM mata 1 a cada 16h, mais do que em 2006, quando houve os ataques do PCC

Até novembro, já foram registradas 506 mortes, ante 495...

Casa Grande & Senzala numa única unidade residencial

A Rossi Residencial é um empresa que constrói e...

Mario Balotelli é advertido a não deixar campo em caso de racismo

Presidente da Associação Italian de Árbitros diz que atacante...

para lembrar

Carta de Abdias Nascimento ao Presidente

Carta de Abdias Nascimento, 90 anos, o maior de...

ILHÉUS: Professor é preso por raciso

Fonte: Pimenta na Muqueca -   O professor Saulo da Cruz...

“Estereótipo” Rapper Rashid disseca 517 anos de história e privilégios em novo clipe

Canção contundente sobre racismo e igualdade racial estará no...

Além da morte física a jurídica diz Hamilton Borges

A decisão da Justiça de absolver os nove policiais...
spot_imgspot_img

Como o diabo gosta

Um retrocesso civilizatório, uma violência contra as mulheres e uma demonstração explícita do perigo que é misturar política com fundamentalismo religioso. O projeto de lei...

Homens, o tema do aborto também é nossa responsabilidade: precisamos agir

Nesta semana, a escritora Juliana Monteiro postou em suas redes sociais um trecho de uma conversa com um homem sobre o aborto. Reproduzo aqui: - Se liberar o...

A falácia da proteção à vida

A existência de uma lei não é condição suficiente para garantir um direito à população. O respaldo legal é, muitas vezes, o primeiro passo...
-+=