Valentino recruta atriz e diretora de Pose para a campanha de sua nova bolsa

Dominique Jackson é Elektra Wintour, antagonista glamurosa do seriado que fez história na TV.

Da Vogue 

DIVULGAÇÃO/VALENTINO

Elektra Abundance pode ter passado por maus bocados no final da primeira temporada de Pose após sua cirurgia de redefinição de gênero, mas fora das telas Dominique Jackson vai muito bem, obrigada.

atriz transgênero e uma das maiores estrelas do seriado que fez história na TV (engatando mês passado sua segunda temporada) é um dos três rostos da campanha da nova bolsa da ValentinoVSling.

No primeiro vídeo divulgado, ela encarna Devoray: “Eu faria tudo pela bolsa. Não é divertida?”, ela inicia seu teste de elenco. “Beijos de longe! Beijos de longe!”, encerra, depois de uma cena hipnotizante.

Jackson está em companhia bem familiar: a campanha da grife tem direção de Luke Gilford e Janet Mock – ela diretora, roteirista e produtora executiva de Pose -, que também aparece nas imagens e vídeos de divulgação da VSling. Mock, aliás, fez história ao se tornar a primeira mulher transgênero negra a firmar um contrato com uma grande empresa de streaming ao anunciar seu próximo projeto em parceria com a Netflix.

Além de Janet Mock e Dominique Jackson, quem fecha a trinca de rostos da Vsling é a atriz Rowan Blanchard.

Abaixo, você confere mais vídeos da campanha:

+ sobre o tema

LEI Nº 12.015 – Nova Lei do Estupro

Presidência da República Casa Civil Subchefia para Assuntos Jurídicos LEI Nº 12.015,...

ONU debate igualdade de gênero e autonomia das mulheres na era digital

A Comissão Econômica da ONU para América Latina e...

Em resposta a racismo e bullying, jovem desenha vestido de formatura em estilo africano

A norte-americana Kyemah McEntyre, de 18 anos, conta que,...

para lembrar

Me livrei do meu agressor: elas contam como deram fim à violência doméstica

Andrea, Carol, Nina, Renata e Maria são de cidades,...

Evento em Parque Tecnológico da UFRJ aborda participação das mulheres na inovação

O Parque Tecnológico da Universidade Federal do Rio de...

O estupro não choca?

Uma menina de 11 anos, violentada, estuprada e grávida....

Amor (afro)centrado: é possível falar nesses termos?

Quando a editora me fez saber que na minha...
spot_imgspot_img

IBGE: mulheres assalariadas recebem 17% menos que os homens

Dados divulgados nesta quinta-feira (20/06) pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) revelam que a disparidade salarial entre os gêneros no Brasil se mantém em...

Casa Sueli Carneiro abre as portas ao público e apresenta o III Festival Casa Sueli Carneiro, pela primeira vez em formato presencial

RETIRE SEU INGRESSO A Casa Sueli Carneiro, fundada em dezembro de 2020 e atuando em formato on-line desde abril de 2021, é uma entidade criada...

Aborto legal: falhas na rede de apoio penalizam meninas e mulheres

As desigualdades sociais no Brasil podem explicar a razão para que meninas e mulheres busquem apoio para o aborto legal também após 22 semanas...
-+=