Veja publica direito de resposta da coligação de Dilma Rousseff

TSE considerou que a revista não teve “qualquer cautela” ao publicar reportagem afirmando que a presidenta Dilma e o ex-presidente Lula sabiam do esquema de corrupção da Petrobras

A revista Veja publicou na madruga deste domingo 26 o direito de resposta concedido ao PT pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE) em relação à reportagem de capa da semanal desta semana. A matéria afirma que a presidenta Dilma Rousseff e o ex-presidente Lula sabiam do esquema de corrupção da Petrobras.

O ministro Admar Gonzaga, do TSE, concedeu na noite de sábado 25 o direito de resposta por considerar que a publicação não teve “qualquer cautela” e transmitiu a acusação de “forma ofensiva” e em “tom de certeza”. “Fácil perceber que a revista Veja desbordou do seu direito de bem informar para, de forma ofensiva e sem qualquer cautela, transmitir ao seu grande público, em tom de certeza, acusação de que Dilma Rousseff e Luiz Inácio Lula da Silva tinham ciência de fato criminoso sobre um dos badalados temas desta campanha presidencial”, afirmou na liminar.

Mais cedo, o mesmo ministro decidiu atender outra liminar que proíbe a Editora Abril, responsável pela publicação da revista Veja,de veicular publicidade da última edição em rádio, televisão, outdoor e propaganda paga na internet. “Tendo em vista que a Representada (revista Veja) antecipou em dois dias a publicidade da revista, entendo que a propagação da capa, ou do conteúdo em análise, poderá transformar a veiculação em verdadeiro panfletário de campanha, o que, a toda evidência, desborda do direito/dever de informação e da liberdade de expressão”, justificou Gonzaga.

Ainda na sexta 25, o PT entrou no Supremo Tribunal Federal (STF) com pedido de abertura de inquérito criminal para investigar o vazamento do suposto depoimento no qual o doleiro Alberto Youssef, preso na Operação Lava Jato, da Polícia Federal (PF), liga a presidenta Dilma e o ex-presidente Lula ao esquema de corrupção na Petrobras. Segundo o PT, a informação publicada pela Veja é “inverídica, difamatória e caluniosa”.

Confira a íntegra da resposta da coligação de Dilma Rousseff:

“A democracia brasileira assiste, mais uma vez, a setores que, às vésperas da manifestação da vontade soberana das urnas, tentam influenciar o processo eleitoral por meio de denúncias vazias, que não encontram qualquer respaldo na realidade, em desfavor do PT e de sua candidata.

A Coligação “Com a Força do Povo” vem a público condenar essa atitude e reiterar que o texto repete o método adotado no primeiro turno, igualmente condenado pelos sete ministros do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), por terem sido apresentadas acusações sem provas.

A publicação faz referência a um suposto depoimento de Alberto Youssef, no âmbito de um processo de delação premiada ainda em negociação, para tentar implicar a Presidenta Dilma Rousseff e o ex-Presidente Luiz Inácio Lula da Silva em ilicitudes. Ocorre que o próprio advogado do investigado, Antônio Figueiredo Basto, rechaça a veracidade desse relato, uma vez que todos os depoimentos prestados por Yousseff foram acompanhados por Basto e/ou por sua equipe, que jamais presenciaram conversas com esse teor.”

 

Fonte: Carta Capital

+ sobre o tema

“Decifra-me ou te devoro”: a grande mídia e as manifestações – por Gilberto Calil

A muito custo pessoal, tenho encarado o desagradável...

Sem alarde da mídia, Alckmin renova 5,2 mil assinaturas da Veja

  por Helena Sthephanowitz  No último dia 14 de...

para lembrar

Luciana Genro manda apresentador “estudar mais”

Danilo Gentili provoca Luciana Genro e diz que “o...

Terroristas da Abril tentam justificar crime

Sócios, executivos e editores da Editora Abril acusaram o...

Chefão da Abril: “Imprensa pecou feio. É a vida”

Jornalista José Roberto Guzzo, membro do conselho editorial da...
spot_imgspot_img

Mulheres apoiam nota de Dilma em crítica à sórdida capa de Veja sobre Marisa

Texto assinado por diversas mulheres do meio político, além de ativistas e entidades, entre elas a ex-ministra Eleonora Menicucci, diz que as "mulheres comprometidas...

Mico internacional: Embaixada da Itália desmente capa da Veja sobre Lula

Em sua mais recente manchete de capa, a revista inventou que o ex-presidente teria um “plano secreto” de pedir asilo à Itália como forma...

Presidente da Abril e diretor de redação da Veja são demitidos

Eurípedes Alcântara está deixando a direção de redação da “Veja”. Ele foi responsável por capas polêmicas da revista, como a que vestiu o ex-presidente...
-+=