sexta-feira, novembro 26, 2021
InícioQuestão RacialVereadora alvo de ofensa racista: 'Disseram que era liberdade de expressão'

Vereadora alvo de ofensa racista: ‘Disseram que era liberdade de expressão’

Fonte: UOL

Em entrevista ao UOL News, a vereadora Paolla Miguel (PT-SP) falou sobre os ataques racistas que sofreu na Câmara Municipal de Campinas, no interior de São Paulo.

A vereadora discursava na tribuna do plenário sobre um projeto que trata do Conselho de Desenvolvimento e Participação da Comunidade Negra e um fundo municipal de valorização da comunidade negra na cidade quando começou a ouvir as ofensas.

“Eu conseguia identificar algumas coisas, mas não com tanta nitidez durante a minha fala. Eu subi em outros dois momentos [na tribuna do plenário], então o tempo todo ficaram xingando, mas [os xingamentos] eram de cunho político. Quando subi para falar desse projeto especificamente o tom mudou”, disse Paolla.

Segundo ela, era possível ouvir que o que ela estava dizendo era “mimimi” e também escutou a palavra “lixo”. “Até que de fato fui interrompida e consegui entender a frase toda que estava sendo dita. As vereadoras que estavam presentes fizeram um cinturão para que eu continuasse falando e depois outros vereadores subiram à tribuna para prestar solidariedade”, relatou.

A vereadora contou ainda que quando o presidente da Casa, o vereador Zé Carlos, interrompeu a sessão, começaram a falar que o que estavam dizendo era “liberdade de expressão”.

Juntamente com outros vereadores, Paolla Miguel foi para delegacia hoje para realizar um boletim de ocorrência. Além disso, ela solicitou à Câmara imagens de toda a sessão para que todos os autores que cometem o crime de racismo sejam identificados.

RELATED ARTICLES