Vestibulando de medicina é alvo de racismo nas redes

O jovem negro estudará na Universidade de Buenos Aires e postou uma foto vestindo uma blusa da instituição; no post, ele incentivava outros estudantes a persistirem nos seus objetivos mas foi ofendido com comentários de cunho racista; “Ué, não sabia que negro podia ser médico, quem se arriscaria em uma consulta?”

Do Portal Fórum

No grupo Vestibulandos de Medicina, jovens trocam mensagens de apoio e compartilham informações pelo Facebook. A postagem de um jovem negro, porém, trouxe à tona comentários de cunho racista por parte dos futuros médicos. Diogo Medeiros, de 24 anos, irá estudar o curso na Universidade de Buenos Aires (UBA), na Argentina, e postou uma foto sua com o moletom da futura faculdade.

No texto, ele incentivava outros estudantes que estejam tentando vagas para Medicina, “Não importa quem você é, apenas tenha a certeza que você pode ser quem deseja. Basta acreditar em seu potencial”, postou Diogo, que mora em Nova Iguaçu.

No entanto, a mensagem de incentivo logo recebeu uma série de comentários racistas como “ué, não sabia que negro podia ser médico, quem se arriscaria em uma consulta?”, “só porque o cara é feio e da cor de fita isolante ele não pode ser feliz?”, “Se não tivesse cota duvido que conseguiria” e “temos que acabar com o preconceito entre negros e humanos”. Por outro lado, alguns estudantes também publicaram mensagem de apoio. “Como futuros médicos vão atender pacientes sendo racistas?”, questionava um deles.

Ao jornal O Dia, Diogo contou que estudou por quatro anos antes de entrar na faculdade. Ele irá registrar queixa na Delegacia de Repressão a Crimes de Informática. O jovem é órfão e relatou que decidiu ser médico após a morte de sua mãe, que foi atendida pelo Sistema Único de Saúde (SUS) e, por isso, sonha em ter uma clínica para atender pessoas sem condições financeiras.

+ sobre o tema

O racismo não é ‘coisa da minha cabeça’

Luana Genot fala sobre as microagressões sofridas por negras...

Dilma fala sobre racismo e violência contra a mulher em entrevista para Regina Casé

A presidenta Dilma Rousseff fez uma participação hoje no...

Racismo climático

O que o antirracismo pode ensinar ao campo das...

para lembrar

São Vicente adere ao Juventude Viva

  Parceria com o governo federal foi formalizada...

A Itália e a campanha da xenofobia

A ultradireita italiana, as vésperas das eleições políticas, enxerga...

Fazer ou não fazer personagem racista, eis a questão

Com receio de falar sobre o tema em uma...

Racismo: Homem é brutalmente espancado no centro de Embu das Artes

por Karen Santiago Um homem enquanto passeava com sua namorada,...
spot_imgspot_img

Novo Selo de Igualdade Racial será lançado para incentivar diversidade nas empresas, anuncia Anielle Franco

O governo federal planeja introduzir, até o final do ano, um "Selo de Igualdade Racial" destinado a reconhecer empresas públicas e privadas que implementam...

Professora denuncia aluno por injúria racial após estudante escrever ‘preto não é gente’ em folha de papel

Uma professora denunciou um estudante de 14 anos à polícia após ele escrever "preto não é gente" em uma folha de papel, em uma...

5 por dia: Bahia lidera ranking de mortes em ações policiais no primeiro quadrimestre

Enquanto a localização de lideranças criminosas aumentou na Bahia no início de 2024, a letalidade das ações policiais também registrou crescimento. De acordo com o Ministério...
-+=