Viola Davis se emociona ao falar pela primeira vez sobre abuso sexual sofrido pela irmã

Viola Davis, a estrela de How To Get Away With Murder, fez um discurso emocionante ao falar pela primeira vez publicamente sobre o abuso sexual sofrido por sua irmã. O caso foi contado durante um evento beneficente que apoia crianças vitimas de abuso.

“Eu tenho uma irmã que, com 8 anos, pegou seus patins para andar com uma amiga e foi até uma loja da esquina, a tarde, e foi abusada por lá. Quando chegou em casa, ela contou para minha mãe, que foi até a loja e escutou dos donos: ‘deixe o homem em paz. Ele faz isso com todas as meninas’. Então ela foi até a polícia, que achou o homem e o colocou no carro. Vi minha irmãzinha chorar, minha mãe estava chorando também. Foi isso”, disse.

De acordo com Viola, que foi a primeira mulher negra a ganhar um Emmy de melhor atriz dramática, sua irmã, que era muito criativa, inteligente e cuidadosa, cresceu e se tornou uma mulher viciada em drogas e fria. “Você ora para que ela encontre paz, amor e felicidade, que saia das drogas. E quando você abre os olhos, percebe que ela continua nas ruas”. Assista ao vídeo aqui.

+ sobre o tema

Mercado de trabalho ainda é desafio para as transexuais

O dia 9 de setembro de 2020 foi um...

Centenas dançam em São Paulo pelo fim da violência contra a mulher

Centenas de pessoas dançaram e cantaram na tarde deste...

para lembrar

Feira ‘Encrespa Geral’ deixa BH (ainda mais) linda e empoderada

Música, palestras e atividades 0800 agitam a programação da...

Até quando haverá racismo contra as mulheres negras em Portugal?

Na Amadora, uma mulher/mãe/vítima negra foi algemada, sofrendo, sangrando,...

A mulher que conseguiu colocar o famoso mafioso Lucky Luciano atrás das grades

Estamos em uma noite gelada de fevereiro de 1936...

Conservadorismo e Criminalização das Mulheres

Mulheres todos os dias morrem ao abortar. Nós lutamos...
spot_imgspot_img

CNJ pede explicações a juízas sobre decisões que negaram aborto legal

O Conselho Nacional de Justiça (CNJ) decidiu nesta sexta-feira (12) intimar duas magistradas do Tribunal de Justiça de Goiás (TJGO) a prestarem esclarecimentos sobre...

Instituto Mãe Hilda anuncia o lançamento do livro sobre a vida de matriarca do Ilê Aiyê

O livro sobre a vida da Ialorixá Hilda Jitolu, matriarca do primeiro bloco afro do Brasil, o Ilê Aiyê, e fundadora do terreiro Acé...

Centenário de Tia Tita é marcado pela ancestralidade e louvado no quilombo

Tenho certeza que muitos aqui não conhecem dona Maria Gregória Ventura, também conhecida por Tia Tita. Não culpo ninguém por isso. Tia Tita é...
-+=