quarta-feira, dezembro 7, 2022

Wagner Celestino

Wagner Celestino é paulistano da zona leste. Nasceu em janeiro de 1952 na Vila Eutália, vizinha da famosa Vila Matilde.

No segundo semestre de 1977 é usuário do plantão fotográfico no Museu Lasar Segall. É a iniciação e o aprendizado dos conceitos básicos da fotografia. Revelação, ampliação, papéis, filmes, câmeras, enquadramento, literatura específica, linguagem e estética fotográfica. Tudo em preto&branco.

Entre 1979 e final dos anos 90, registra inúmeras apresentações musicais na cidade de São Paulo. Alguns retratados: Clementina de Jesus, Nelson Cavaquinho, Jorge Benjor, Paulo Moura, Egberto Gismonti, John Lee Hooker, Peter Tosh, Baden Powell, Luiz Eça, Alaíde Costa, Itamar Assumpção…

No final dos anos 90, fotografa o amigo Zé Ketti. É o registro dos últimos anos do esquecido compositor residindo na cidade de São Paulo, antes do seu retorno definitivo para o Rio de Janeiro.

Em 1997, a convite da ONG APOIO, fotografa alguns cortiços paulistanos e lança o livro Cortiços – a realidade que ninguém vê.

Por iniciativa própria, começa em maio de 2003, o resgate fotográfico dos últimos remanescentes da Velha Guarda das Escolas de Samba da Cidade de São Paulo. Também esquecidos.

Os ensaios expostos neste Portal, foram feitos em Paranapiacaba (SP) no mês de setembro/2008 e Itacaré (BA) em 2001.

Artigos Relacionados
-+=
PortugueseEnglishSpanishGermanFrench